Notícias Internet

Facebook vai destacar vídeos mais longos e publicados pelos autores originais

Nos próximos meses, o Facebook também irá priorizar vídeos de páginas que têm os seguidores mais fiéis

Victor Hugo Silva
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

O tipo de vídeo que o Facebook te mostra no feed, no Watch e em outras áreas com recomendações deve mudar nos próximos meses. A rede social informou que atualizará seu algoritmo e que dará mais peso aos vídeos que atendam a critérios como duração e que são publicados por seus autores originais.

Em comunicado divulgado nesta segunda-feira (6), o Facebook afirmou que a mudança no algoritmo que destaca os vídeos aos usuários aumentará a importância dos seguintes critérios: fidelidade e intenção; duração e visualizações; e originalidade.

Facebook vai destacar vídeos mais longos e publicados pelos autores originais

Os vídeos com maior fidelidade são os de páginas em que os seguidores assistem com frequência o conteúdo que é publicado. A intenção, por sua vez, é maior se as pessoas assistem a um vídeo porque procuraram por ele na barra de pesquisa ou foram até a página – e não porque eles simplesmente apareceram no feed.

O Facebook também quer dar mais prioridade aos vídeos que conseguem manter os usuários engajados e levará em consideração dados de visualizações e duração. A ideia da rede social é priorizar o conteúdo de, no mínimo, três minutos e que prenda a atenção de quem o assiste por pelo menos um minuto.

Por fim, a originalidade será analisada para limitar o número de páginas que publicam vídeos produzidos por terceiros. O critério também reduzirá o alcance de redes de páginas que mantêm esquemas de compartilhamento para aumentar seu alcance.

“Estes não são princípios novos”, explica a empresa. “Mas estaremos fortalecendo sua influência entre os múltiplos fatores que determinam a distribuição de vídeos”. O Facebook também liberou um guia de boas práticas que abrange as novas regras.

“Essas mudanças vão beneficiar a distribuição de vídeos para páginas que criam conteúdo original que as pessoas querem ver”, afirmou a companhia. “Vamos continuar a melhorar o ranking de video para mostrar vídeos que as pessoas valorizam e ajudar ótimos produtores de vídeo a alcançar mais pessoas no Facebook”.

Victor Hugo Silva

Victor Hugo Silva é formado em jornalismo, mas começou sua carreira em tecnologia como desenvolvedor front-end, fazendo programação de sites institucionais. Neste escopo, adquiriu conhecimento em HTML, CSS, PHP e MySQL. Como repórter, tem passagem pelo iG e pelo G1, o portal de notícias da Globo. No Tecnoblog, foi redator, escrevendo sobre eletrônicos, redes sociais e negócios, entre 2018 e 2021.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque