Sony vai focar smartphones Xperia em apenas quatro mercados

Linha de smartphones Sony Xperia só vai ser vendida no Japão, Hong Kong, Taiwan e Europa

Emerson Alecrim
Por

A Sony desistiu de vender a linha Xperia no Brasil e em vários outros países. E quais são eles? Na verdade, é mais fácil perguntar quais sobraram. Uma apresentação interna realizada recentemente indica que os smartphones da linha só serão comercializados em quatro regiões: Japão, Hong Kong, Taiwan e Europa.

Sony Xperia XZ3

Sony Xperia XZ3

É do feitio da Sony manter o máximo possível de discrição com relação às suas estratégias comerciais. Isso explica a demora para a liberação de informações a respeito dos mercados que a companhia vai se focar a partir de agora.

Ainda que não haja muitos detalhes, o CEO da Sony Kenichiro Yoshida disse, basicamente, que a companhia “se desfocou” de todos os mercados, exceto os quatro mencionados.

O Japão é um tanto óbvio. Esse é o mercado de origem da Sony e, em virtude disso, os produtos da marca são muito bem aceitos por lá. Talvez o que chame mais atenção é a falta de interesse pelos Estados Unidos, mas a verdade é que faz tempo que a linha Xperia não é priorizada no país.

Também chama atenção a falta de interesse pela China, mas é de se presumir que a elevadíssima competividade desse mercado tenha desestimulado a Sony a disputar espaço com a linha Xperia por lá.

Sony: foco em quatro mercados

Olhando em retrospecto, o que surpreende mesmo é a marca Xperia ainda ser mantida. Em volume global de vendas, os smartphones da Sony não chegam nem a incomodar os rivais.

Só para dar uma ideia, a companhia vendeu 6,5 milhões de celulares em 2018. Dados da IDC indicam que, no mesmo ano, as empresas que lideram o ranking comercializaram muitas vezes mais:

  1. Samsung: 293 milhões de unidades
  2. Apple: 209 milhões
  3. Huawei: 206 milhões

Kenichiro Yoshida é conhecido por cortar linhas de produtos ou divisões que não são lucrativas. O executivo foi um dos responsáveis por fazer a Sony desistir dos notebooks Vaio, para você ter noção.

Sony Xperia 10

Esse é um sinal de que, apesar das diferenças abismais nos números de vendas em relação aos concorrentes, a Sony considera a linha Xperia estratégica. Para poucos mercados, mas ainda estratégica.

Outro sinal disso é que, quando questionado por investidores sobre se desfazer de divisões deficitárias, Yoshida respondeu que a Sony sempre se focou em equipamentos para entretenimento e que, dentro desse segmento, vê a linha Xperia como indispensável para o portfólio de marcas da companhia.

Com informações: The Verge, SlashGear.

Relacionados

Relacionados