Uber Eats vai permitir que usuário retire pedido no restaurante

Inicialmente, modo Retirada vai funcionar apenas com determinados restaurantes de São Paulo

Emerson Alecrim
Por

O Uber Eats revelou nesta segunda-feira (10) que vai testar uma nova modalidade de entrega, ou melhor, de retirada: em breve, os usuários terão a opção de comparecer ao restaurante para buscar os pedidos feitos via aplicativo.

De acordo com a empresa, a nova modalidade vai ser testada inicialmente na cidade de São Paulo em parceria com restaurantes selecionados, embora não tenha ficado claro quais serão eles.

A companhia diz ainda que o objetivo é permitir que o usuário tenha mais conveniência: ele poderá recorrer a essa opção para retirar com agilidade pedidos feitos em um restaurante que está no seu caminho na volta para casa, por exemplo.

Uber Eats

É claro que essa também será uma opção para quem quiser economizar com taxas: obviamente, o serviço de entrega não será cobrado se o próprio consumidor buscar o pedido.

O funcionamento vai ser simples: o usuário deve confirmar endereço, data e horário de entrega e selecionar o modo Retirada; em seguida, é necessário escolher os itens desejados nos restaurantes compatíveis com a modalidade; por fim, basta aguardar o aplicativo avisar que o pedido já pode ser retirado.

Testes do modo Retirada já estão sendo realizados pelo Uber Eats nos Estados Unidos, México, Costa Rica, além de algumas cidades europeias. No Brasil, a novidade deverá entrar em operação até julho.

Essa não é a uma única modalidade em fase de teste: no mês passado, o Uber Eats passou a permitir que entregadores de determinados pontos de São Paulo levem pedidos a pé, opção interessante para regiões com tráfego muito intenso de veículos.