Início / Notícias / Aplicativos e Software /

Uber cria ferramenta para validar passageiros com dados da Serasa

A Uber terá mais informações de usuários que optam por não incluir um cartão de crédito no momento do cadastro

Victor Hugo Silva

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

A Uber quer melhorar a análise de usuários que não incluem um cartão de crédito ao se cadastrarem na plataforma. Para isso, a empresa usará uma nova ferramenta para validar os dados no sistema da Serasa Experian.

Batizada de U-Check, ela permite que a Uber use dados como CPF para obter informações adicionais sobre usuários via API. Segundo a companhia, a verificação começará a ser feita ainda este mês com quem não informa o cartão no momento do cadastro.

Uber

A empresa afirma ainda que a parceria com a Serasa abre possibilidade para realizar outras verificações no futuro. Criada por uma equipe da Uber no Brasil, a ferramenta será aproveitada pelo aplicativo em outros países.

A U-Check foi desenvolvida no Tech Center, primeiro centro de desenvolvimento tenológico criado pela Uber na América Latina, em 2018. Ele receberá investimentos de R$ 250 milhões nos próximos anos e conta com mais de 150 profissionais como engenheiros, desenvolvedores e pesquisadores de software, cientistas de dados e gestores de produto.

Em abril, a Uber anunciou uma parceria com o Serpro (Serviço de Procesamento de Dados) para analisar dados de motoristas. A empresa passou a ter informações em tempo real sobre veículos e motoristas que já estão rodando com o aplicativo ou que pretendem começar a usá-lo.

O objetivo é validar dados sobre a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e o CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo) dos parceiros. A Uber também consegue confirmar a identidade dos motoristas ao comparar as fotos enviadas por eles com as que estão arquivadas com autoridades de trânsito.

Com informações: Uber.