Gov.br: portal único do governo federal já está funcionando

Site gov.br vai unificar todos os sites do governo federal até dezembro de 2020

Emerson Alecrim
Por

A primeira etapa do gov.br já está em funcionamento. Em atendimento ao Decreto 9.756/2019, assinado pelo presidente Jair Bolsonaro em abril, o projeto visa reunir em um único portal todos os sites do governo que disponibilizam serviços e informações ao cidadão.

De acordo com o decreto, todos os cerca de 1.600 sites do governo federal deverão migrar para o endereço www.gov.br. Os três primeiros que passaram pelo processo foram os sites do Governo do Brasil, Palácio do Planalto e Serviços.

Cada órgão federal continuará tendo páginas institucionais, mas elas funcionarão como “subsites” dentro do portal único. A partir de agora, a repartições estão proibidas de registrar domínios com terminação “.gov.br”.

Site gov.br

Esta primeira etapa é considerada beta, portanto, visa identificar erros e aspectos que podem ser melhorados. Apesar disso, o portal já conta com mais de 3 mil serviços. Entre eles estão serviços relacionados ao INSS, trânsito (como CNH e multas) e programas sociais.

O prazo para que todos os serviços passem a fazer parte do gov.br vai até 31 de dezembro de 2020.

A mudança também prevê a centralização dos aplicativos do governo. A ideia é que eles sejam disponibilizados por uma única conta na App Store e na Google Play Store. Nesta última, 32 apps já estão disponíveis, como o Sinesp Cidadão e o Enem.

Nos cálculos do governo, a unificação dos serviços deverá custar R$ 43 milhões, mas gerar R$ 100 milhões de economia por ano.

Com informações: Agência Brasil.

Emerson Alecrim

Repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais e negócios. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Em 2022, foi reconhecido no Prêmio ESET de Segurança em Informação. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém o site Infowester.

Relacionados

Relacionados