Notícias Aplicativos e Software

Google lança página com apps sobre coronavírus na Play Store

A seção da Play Store reúne aplicativos confiáveis para usuários tirarem dúvidas sobre o COVID-19

Victor Hugo Silva
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

O Google tem adotado algumas medidas para contar a desinformação em torno do novo coronavírus. A última delas envolve uma seção na Play Store com aplicativos confiáveis para usuários tirarem dúvidas sobre o tema.

Google Play Store ganha seção sobre novo coronavírus

A área aparece tanto no aplicativo da Play Store, quanto na versão web, e serve como uma curadoria da empresa. “À medida em que os casos do coronavírus continuam sendo confirmados, esses aplicativos podem ajudar você a se manter seguro e informado”, informa o Google.

Por enquanto, a seção está disponível apenas em inglês e reúne aplicativos de órgãos como os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês). Ele é um equivalente ao app Coronavírus – SUS, lançado pelo Ministério da Saúde.

Vale lembrar que a empresa ocultou resultados em buscas na Play Store por “COVID-19”, “corona” e “coronavirus” (sem acento). No entanto, pesquisas pelo termo com acento ou por “COVID19” ainda exibem aplicativos sem relação com o assunto. Um deles é o Plague Inc, que foi banido na China.

Google cria página com dúvidas sobre coronavírus

O Google Trends, ferramenta que reúne as pesquisas mais comuns na plataforma, ganhou uma página com dúvidas dos usuários sobre o novo coronavírus. Disponível neste link, a seção apresenta o que é o coronavírus, quais são os seus sintomas e como se proteger.

A página também apresenta como o interesse das pessoas pelo tema aumentou nas últimas semanas e quais são os estados em que há mais pesquisas. Ela mostra ainda como o interesse por itens como gel desinfetante, álcool gel e máscara aumentou com o avanço do surto.

Com informações: 9to5Google.

Victor Hugo Silva

Victor Hugo Silva é formado em jornalismo, mas começou sua carreira em tecnologia como desenvolvedor front-end, fazendo programação de sites institucionais. Neste escopo, adquiriu conhecimento em HTML, CSS, PHP e MySQL. Como repórter, tem passagem pelo iG e pelo G1, o portal de notícias da Globo. No Tecnoblog, foi redator, escrevendo sobre eletrônicos, redes sociais e negócios, entre 2018 e 2021.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque