Início / Notícias / Aplicativos e Software /

É falso cadastro por WhatsApp do benefício Auxílio Cidadão de R$ 200

Cadastramento do benefício de R$ 200 pelo governo federal que circula no WhatsApp tenta instalar calendário de spam no celular

Lucas Lima

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

É falso um link que começou a circular neste final de semana, no WhatsApp, com a promessa de verificar se o cidadão tem direito ao benefício de R$ 200 do Governo Federal, para famílias de baixa renda e trabalhadores autônomos. Essa fraude tenta instalar um calendário assinado de spam no celular do usuário.

fraude do whatsapp promete verificação de benefício de 200 reais

O governo federal realmente está prometendo até 200 reais por três meses àqueles que não recebem outros benefícios sociais, como o Bolsa Família. Trata-se de um auxílio emergencial para trabalhadores informais, desempregados e MEIs em famílias de baixa renda, para um total estimado em R$ 5 bilhões.

No entanto, esse benefício ainda não existe: ele ainda será criado como medida provisória ou projeto de lei, e depois será encaminhado à Câmara e ao Senado. O Ministério da Economia estima que a medida vai beneficiar de 15 a 20 milhões de brasileiros.

A fraude em questão promete verificar se o cidadão tem acesso ao auxílio do governo, solicitando que ele responda a pesquisa de três perguntas:

  1. Vocês gostaria de receber uma ajuda financeira? (Sim ou Não);
  2. Como gostaria de receber o benefício? (Saque na Lotérica ou Crédito em Conta);
  3. Gostaria de ajudar a combater o coronavírus? (Sim ou Não).

fraude whatsapp benefício 200 reais

Em seguida, outra página diz que o usuário tem acesso ao valor e que, para autenticar a solicitação e confirmar o saque é necessário compartilhar a página com os amigos no WhatsApp até a barra ser completada — bastava cancelar o compartilhamento para que o progresso da barra fosse dado como completo.

A próxima página carregava um botão para que o usuário assinasse o calendário “CLICK SUBSCRIBE sponsored events”. Eu não encontrei nenhum evento criado pelo calendário. Mas, conhecendo a tática de spam de calendário, é possível que a fraude venha a ser usada no futuro, enviando notificações às pessoas que assinaram.

Como funciona o spam de calendário?

Após instalar um calendário assinado no celular do usuário, o fraudador pode criar eventos com links para tentar roubar outras informações, como dados para clonar o WhatsApp até um cartão de crédito. É algo como os golpes que ocorrem via e-mail ou SMS.

A diferença é que isso chega pelo calendário pessoal, deixando o golpe menos perceptível para o usuário. Esses eventos de spam podem também enviar notificações ao celular do usuário, se o criador definir assim.