Início / Notícias / Gadgets /

Rio usa drone da DJI com alto-falante para desfazer aglomerações

Drone usado pelo Rio de Janeiro se aproxima de aglomerações para avisar sobre distanciamento social

Emerson Alecrim

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

O recado é um só: para quem pode, fique em casa. Como muita gente insiste em permanecer nas ruas ou em aglomerações, a prefeitura do Rio de Janeiro recorreu a um drone para alertar os cidadãos sobre a importância do isolamento social. Trata-se de um Mavic 2 Enterprise, da DJI.

DJI Mavic 2 Enterprise

A escolha desse modelo não foi aleatória. O Mavic 2 Enterprise conta com um alto-falante que possui projeção de 100 decibéis a 1 m de distância. A ideia da prefeitura é aproximar o drone de aglomerações e, na sequência, reproduzir gravações que alertam para a necessidade de as pessoas respeitarem as orientações sobre distanciamento social neste período de pandemia de coronavírus.

Para localizar pontos de aglomeração, a prefeitura pode usar sinais da rede de telefonia celular da operadora TIM e sistemas de câmeras que, com base em inteligência artificial, conseguem identificar volumes de pessoas em deslocamento.

Se aglomerações importantes forem identificadas pela prefeitura a partir desses recursos, o drone será enviado a esses pontos com o intuito de dar o alerta aos que desafiam as orientações de isolamento. O equipamento também poderá ser acionado com base em denúncias feitas ao Disk Aglomeração (telefone 1746).

Além de alto-falante, o Mavic 2 Enterprise possui uma câmera com zoom óptico de 2x que será usada para transmitir imagens em tempo real para o gabinete de Crise da Prefeitura e o Centro de Operações do Rio de Janeiro.

De acordo com a DJI, o Mavic 2 Enterprise é dotado de recursos que o tornam apto a uma série de aplicações, como operações de resgate, combate a incêndios, inspeção de pontes e, como é o caso do Rio de Janeiro, ações de segurança pública.