Notícias Celular

Motorola Edge e Edge+ chegam ao Brasil com 5G e preço de até R$ 7.999

Motorola retorna aos celulares super premium (e super caros) com Edge+, Snapdragon 865 e compatibilidade com 5G sub-6

Paulo Higa
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

A Motorola anunciou nesta quinta-feira (2) o Edge+, um celular topo de linha com processador Qualcomm Snapdragon 865, tela de 6,7 polegadas com laterais curvadas e, pela primeira vez no país, compatibilidade com 5G. O smartphone chega ao Brasil por R$ 7.999 junto com o Motorola Edge, uma versão mais simples que também conta com suporte à próxima geração de redes móveis.

Motorola Edge+

Motorola Edge+ tem Snapdragon 865, 5G e tela curvada

O Edge+ marca o retorno da Motorola ao segmento topo de linha (ou “super premium”, como diz a empresa). Ele traz o melhor processador da Qualcomm e números enormes, como 12 GB de RAM, 256 GB de armazenamento, bateria de 5.000 mAh e câmera principal de 108 megapixels, cobrando bem caro por isso — é o mesmo preço de lançamento do Samsung Galaxy S20 Ultra.

A estreia do 5G no país ainda está longe, mas a Motorola destaca a compatibilidade com as novas redes em comunicado à imprensa. O gerente de produto da Motorola, Thiago Masuchette, explica ao Tecnoblog que o aparelho possui modem Snapdragon X55 e suporta o 5G nas frequências sub-6, como os 3.500 MHz previstos no leilão da Anatel, mas não as ondas milimétricas (mmWave); elas são exclusivas de uma versão da operadora Verizon, que não será vendida no Brasil.

Motorola Edge+

A tela do Edge+ tem 6,7 polegadas, painel OLED, resolução Full HD+, compatibilidade com HDR10+, taxa de atualização de 90 Hz e leitor de impressões digitais. As laterais possuem uma curvatura pronunciada, de 90 graus, lembrando o Huawei Mate 30 Pro. As laterais abrigam uma bandeja de atalhos para aplicativos e podem acender quando o celular estiver com a tela para baixo, para alertar sobre notificações e chamadas recebidas.

A câmera frontal é de 25 megapixels e fica em um furo no canto superior esquerdo, enquanto a traseira abriga três câmeras: uma principal de 108 megapixels com lente de abertura f/1,8, uma ultrawide e macro de 16 megapixels (f/2,2) e uma teleobjetiva de 8 megapixels (f/2,4) com zoom óptico de 3x e estabilização óptica de imagem. É possível filmar em 6K a 30 fps.

Motorola Edge+

A bateria de 5.000 mAh suporta carregamento TurboPower de 18 watts com o adaptador incluso na caixa e, segundo a Motorola, pode aguentar até dois dias longe da tomada. Pela primeira vez em muito tempo, desde o Moto Maxx, a empresa está lançando um celular com carregamento sem fio — inclusive reverso, com a possibilidade de abastecer outros dispositivos compatíveis com Qi a 5 watts.

A Motorola também destaca os alto-falantes estéreo, que são os “mais poderosos e de maior volume já vistos em um smartphone”, nas palavras da fabricante, além da compatibilidade com Wi-Fi 6.

Diferenças em relação a outros celulares caros me chamam a atenção: ele continua com uma entrada padrão para fones de ouvido de 3,5 mm (yay!), não tem nenhum tipo de certificação IP para proteção contra água (boo!) e não filma em 8K, embora o processador da Qualcomm tenha essa capacidade. Outra limitação estranha é que mesmo a gravação em 4K é limitada a 30 fps, não chegando aos 60 fps dos concorrentes.

O Motorola Edge+ chega ao Brasil na cor Thunder Grey (um cinza azulado bem bonito) com preço sugerido de R$ 7.999. A pré-venda começa nesta quinta-feira (2) e os compradores receberão o produto a partir de 14 de julho.

Motorola Edge: Snapdragon 765 e os chamarizes do Edge+

Motorola Edge

Também há uma versão menos cara do Edge+, que mantém boa parte das características do irmão maior, mas com baixas no desempenho. O Motorola Edge também possui uma tela curvada OLED de 6,7 polegadas e 90 Hz, os alto-falantes estéreo da Waves Audio e compatibilidade com 5G sub-6, mas traz um processador mais simples, o Snapdragon 765.

O Edge que será vendido no Brasil tem 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento. As câmeras frontal e traseiras são basicamente as mesmas, com exceção da principal, cuja resolução cai de 108 para 64 megapixels. Com isso, a gravação de vídeo também fica limitada a 4K, em vez dos 6K do irmão mais caro. A bateria é de 4.500 mAh e suporta apenas carregamento com fio, também com promessa de dois dias de autonomia.

Com hardware mais simples, o Edge será vendido nas cores preto e vermelho por R$ 5.499. Ele também estará disponível em pré-venda entre os dias 2 e 13 de julho, sendo que os primeiros compradores de qualquer modelo ganharão um fone de ouvido Bluetooth (Motorola Vervebuds 100) como brinde.

Motorola Edge+ – ficha técnica (Brasil):

  • Tela: OLED de 6,7 polegadas com resolução Full HD+, curvatura Endless Edge, taxa de atualização de 90 Hz e HDR10+
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 865 octa-core com GPU Adreno 650
  • RAM: 12 GB LPDDR5
  • Armazenamento: 256 GB (UFS 3.0)
  • Câmera frontal: 25 megapixels (f/2,0)
  • Câmera traseira:
    • Principal: 108 megapixels (f/1,8) com tecnologia Quad Pixel e estabilização óptica de imagem
    • Ultrawide e macro: 16 megapixels (f/2,2) com campo de visão de 117 graus
    • Telefoto: 8 megapixels (f/2,4) com zoom óptico de 3x e estabilização óptica de imagem
    • Profundidade: sensor de tempo de voo (ToF)
    • Captura de vídeo em 6K 30 fps, 4K 30 fps e Full HD 60 fps
  • Bateria: 5.000 mAh com carregamento TurboPower de 18 watts, wireless de 15 watts e reverso de 5 watts
  • Conexões: 5G sub-6, 4G, 3G, 2G, Bluetooth 5.1, Wi-Fi 6 (802.11ax), USB-C e P2
  • Sistema operacional: Android 10
  • Dimensões: 161,1×71,4×9,6 mm
  • Peso: 203 gramas

Motorola Edge – ficha técnica (Brasil):

  • Tela: OLED de 6,7 polegadas com resolução Full HD+, curvatura Endless Edge e taxa de atualização de 90 Hz
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 765 octa-core com GPU Adreno 620
  • RAM: 6 GB
  • Armazenamento: 128 GB com expansão por microSD de até 1 TB
  • Câmera frontal: 25 megapixels (f/2,0)
  • Câmera traseira:
    • Principal: 64 megapixels (f/1,8) com tecnologia Quad Pixel
    • Ultrawide e macro: 16 megapixels (f/2,2) com campo de visão de 117 graus
    • Telefoto: 8 megapixels (f/2,4) com zoom óptico de 2x
    • Profundidade: sensor de tempo de voo (ToF)
    • Captura de vídeo em 4K 30 fps e Full HD 60 fps
  • Bateria: 4.500 mAh com carregamento TurboPower de 18 watts
  • Conexões: 5G sub-6, 4G, 3G, 2G, Bluetooth 5.1, Wi-Fi 6 (802.11ax), USB-C, P2 e rádio FM
  • Sistema operacional: Android 10
  • Dimensões: 161,6×71,1×9,3 mm
  • Peso: 188 gramas
Paulo Higa

Editor-executivo

Paulo Higa é jornalista, com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. Trabalha no Tecnoblog desde 2012, viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. É coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque