Início / Notícias / Jogos /

Apple barra Google Stadia e xCloud no iOS; Microsoft questiona regras

Plataforma de streaming xCloud só funcionará no Android; Apple impõe regras mais rígidas para games na App Store, diz Microsoft

Paulo Higa

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Quer jogar por streaming em qualquer lugar com o Google Stadia ou o Project xCloud? Talvez você não consiga se tiver apenas um iPhone ou iPad. A Apple confirmou que esses serviços não serão permitidos na App Store devido à dificuldade em revisar games na nuvem. A Microsoft condenou publicamente a atitude, alegando que a Apple impõe regras mais rígidas para aplicativos relacionados a games.

Project xCloud

Em comunicado oficial, a Apple explica que “todos os aplicativos são revisados de acordo com o mesmo conjunto de regras, que visam proteger os clientes e oferecer condições justas aos desenvolvedores”. Para a Apple, empresas como Google e Microsoft deveriam enviar cada game para revisão, seguindo as mesmas diretrizes de outros desenvolvedores de jogos nativos para iOS.

Obviamente, esse processo adicionaria mais complexidade ao funcionamento de uma plataforma de games por streaming. A Microsoft não considera adequada a regra da App Store porque “todos os games disponíveis no catálogo do Xbox Game Pass são avaliados por órgãos de classificação independentes, como o ESRB e equivalentes regionais”, portanto, a Apple poderia se basear nas avaliações já realizadas.

Apple é mais branda com outros apps, diz Microsoft

De acordo com a Microsoft, que afirma não ter mais planos de levar o Project xCloud ao iOS, a Apple “consistentemente trata aplicativos de games de forma diferente, aplicando regras mais brandas a aplicativos que não são de jogos, mesmo quando incluem conteúdo interativo”.

O argumento da Microsoft faz sentido. A Apple não revisa todos os conteúdos disponíveis no Spotify ou na Netflix, por exemplo, mas esses aplicativos são liberados na App Store. Qual a diferença entre um serviço que dá acesso a um catálogo de filmes por streaming e outro que dá acesso a um catálogo de games por streaming? Eu também me fiz a mesma pergunta.

“A diferença se resume à mídia, de acordo com a Apple: games são interativos, diferente de músicas e filmes, e há expectativas dos consumidores quanto aos jogos na App Store”, diz o Business Insider.

Mas espere: a Netflix lançou Black Mirror: Bandersnatch, com cinco finais e algumas cenas difíceis de desbloquear. Ele é chamado pela Netflix de “filme interativo”, mas também é visto como um game, dada a mecânica do conteúdo. Será que a Netflix precisou enviar Bandersnatch para aprovação? 🤔

Enquanto as empresas não resolvem a disputa, os usuários de iOS é que sairão perdendo, já que não terão acesso aos serviços de games na nuvem em seus iPhones e iPads. O Microsoft xCloud será lançado em setembro, inicialmente em 22 países, apenas para celulares e tablets Android; ele não terá custo adicional para assinantes do Xbox Game Pass Ultimate e não será necessário ter um Xbox para jogar.