Xbox Series X e S implementam HDR e 60 fps em jogos antigos

Novos Xbox terão HDR para jogos antigos, que contarão ainda com outras melhorias, como incremento de FPS e velocidade de leitura

Felipe Vinha
Por

A Microsoft detalhou como a retrocompatibilidade dos Xbox Series X e Series S vai funcionar com jogos antigos. A empresa revelou que mais de mil jogos estarão disponíveis assim que os consoles chegarem ao mercado, com melhorias gráficas que incluem HDR e 60 quadros por segundo, tornando as imagens mais nítidas e suaves.

Novos Xbox terão HDR até mesmo para jogos bem antigos (Imagem: Microsoft)

Novos Xbox terão HDR até mesmo para jogos bem antigos (Imagem: Microsoft)

HDR no Xbox Series X/S

De acordo com a Microsoft, em seu post no blog Xbox Wire, todos os jogos antigos e compatíveis com os Xbox Series X e S rodarão com HDR ativado. E farão isso de maneira nativa, por meio do hardware dos consoles, sem qualquer custo de performance.

Isto é: os jogos ficarão com imagens e cores mais nítidas, sem que fiquem mais lentos ou que tenham alguma perda de performance em outro aspecto. A novidade inclui até mesmo títulos do primeiro Xbox, como Fuzion Frenzy.

Melhorias para clássicos

A Microsoft também revelou que alguns dos jogos terão melhorias na taxa de quadros, ou o FPS. Fallout 4, por exemplo, rodará a 60 fps nos Xbox Series X e S, contra 30 da versão original de Xbox One.

YouTube video

Espere também por melhorias de resolução e, claro, um enorme incremento na velocidade de leitura, já que os jogos ficarão instalados no SSD dos novos Xbox, que prometem ser incrivelmente rápidos.

Filtros de suavização de imagem, aumento de resolução para 720p a 4K, entre outros aspectos também estão previstos para mais melhorias com jogos antigos.

Vale lembrar que todos estes incrementos estão previstos para jogos digitais ou físicos, desde que o usuário tenha o disco original e o Xbox Series X, que conta com entrada para as mídias – não presente no Series S.

Com informações: Xbox.

Felipe Vinha

Ex-autor

Felipe Vinha é jornalista com formação técnica em Informática. Já cobriu grandes eventos relacionados a jogos, como a E3, BlizzCon e finais mundiais de League of Legends. Em 2021, ganhou o Prêmio Microinfluenciadores Digitais na categoria entretenimento. Foi autor no Tecnoblog entre 2020 e 2022, escrevendo principalmente sobre games e entretenimento. Passou pelos principais veículos do ramo, e também é apresentador especializado em cultura pop.

Relacionados

Relacionados