Cópia de Super Mario Bros. 3 é o jogo mais caro já vendido

Cópia de Super Mario Bros. original também chegou a ser comercializada por um preço bem elevado neste mesmo ano

Felipe Vinha
Por

O jogo mais caro da história agora é Super Mario Bros. 3, clássico do Nintendinho. Ao menos uma cópia lacrada que foi vendida em um leilão na última semana, em 20 de novembro, por nada menos que US$ 156 mil, ou cerca de R$ 850 mil, de acordo com a cotação atual do dólar.

Super Mario Bros. 3: o jogo mais caro da história (Imagem: Heritage Auctions/Divulgação)

Super Mario Bros. 3: o jogo mais caro da história (Imagem: Heritage Auctions/Divulgação)

As ofertas começaram em R$ 62 mil e, segundo o site The Verge, 20 participantes se envolveram na negociação, que foi promovida pela casa de leilões Heritage Auctions, nos EUA.

Ainda segundo a organização, o preço se dá por dois motivos bem específicos: o primeiro é por conta do design da caixa, que é raro e tem o termo “Bros.” formatado de maneira diferente – normalmente ele fica mais ao centro, nesta versão está na esquerda.

O outro detalhe é que o jogo recebeu uma nota de conservação de 9.2 A+, considerada uma das mais altas já concedidas pela organização.

Além de Super Mario Bros. 3, uma cópia de Pokémon Red também foi comercializada por US$ 84 no mesmo leilão, lacrada, se tornando o jogo de Pokémon mais caro da história. Contudo, não detalhes sobre a conservação ou o que levou esta unidade a ser vendida por um preço tão alto.

Jogos caros

Leilões de jogos raros, lacrados e caros não são incomuns nos EUA. O próprio Super Mario Bros., o original e parte da mesma série da Nintendo, chegou a ser comercializado por US$ 114 mil em julho deste ano, na mesma casa de leilões.

Colecionadores dos EUA costumam participar, mas é comum que pessoas de outras partes do mundo também tentem arrematar. A identidade dos vencedores dos leilões, porém, permanece preservada.

Com informações: The Verge.

Felipe Vinha

Ex-autor

Felipe Vinha é jornalista com formação técnica em Informática. Já cobriu grandes eventos relacionados a jogos, como a E3, BlizzCon e finais mundiais de League of Legends. Em 2021, ganhou o Prêmio Microinfluenciadores Digitais na categoria entretenimento. Foi autor no Tecnoblog entre 2020 e 2022, escrevendo principalmente sobre games e entretenimento. Passou pelos principais veículos do ramo, e também é apresentador especializado em cultura pop.

Relacionados

Relacionados