Cyberpunk 2077 é marcado como defeituoso por varejista nos EUA

GameStop passa a aceitar devoluções de Cyberpunk 2077, mesmo que a loja não tenha o costume de aceitar jogos abertos de volta

Felipe Vinha
Por

De acordo com o Kotaku, a GameStop passou a aceitar devoluções de Cyberpunk 2077, oferecendo ainda reembolsos a seus clientes. Trata-se de uma das maiores redes de lojas de videogame nos EUA, que normalmente tem uma política de não aceitar devolução – a não ser em casos de equipamentos defeituosos, que passa a ser o caso do jogo da CD Projekt Red.

Cyberpunk 2077 passa a ser aceito como devolução na GameStop (Imagem: Divulgação/CDPR)

Cyberpunk 2077 passa a ser aceito como devolução na GameStop (Imagem: Divulgação/CDPR)

O Kotaku alega ter recebido uma cópia de um memorando interno da GameStop. O texto diz para todos os funcionários aceitaram devoluções de Cyberpunk 2077 no PS4 e Xbox One, mesmo se estiver aberto, e marcar o jogo com defeituoso, antes de enviá-lo de volta ao estoque.

De acordo com a publicação, o Kotaku tentou contato com a GameStop para ter mais detalhes da situação e outras confirmações, mas não obteve respostas até o presente momento.

O site também lembra que, além de produtos defeituosos, a GameStop só tem o costume de aceitar devolução de produtos que não foram abertos, em caso de problemas com a compra. A atual devolução, porém, deve ser feita em até 30 dias.

Problemas no futuro

Cyberpunk 2077 foi lançado com inúmeros problemas. Além de pequenos bugs no PC, o jogo apresentou enormes problemas no PS4 e Xbox One, como bugs que tornavam a experiência injogável e gráficos mal feitos.

A CDPR prometeu reembolsos para todos que compraram o game na versão digital e pediu para que os clientes resolvessem o reembolso de cópias físicas com as lojas onde o título foi comprado.

Atualizações com grandes correções estão previstas para janeiro e fevereiro do próximo ano.

Com informações: Kotaku.

Felipe Vinha

Ex-autor

Felipe Vinha é jornalista com formação técnica em Informática. Já cobriu grandes eventos relacionados a jogos, como a E3, BlizzCon e finais mundiais de League of Legends. Em 2021, ganhou o Prêmio Microinfluenciadores Digitais na categoria entretenimento. Foi autor no Tecnoblog entre 2020 e 2022, escrevendo principalmente sobre games e entretenimento. Passou pelos principais veículos do ramo, e também é apresentador especializado em cultura pop.

Relacionados

Relacionados