Início / Notícias / Aplicativos e Software /

App de câmera usa blockchain para certificar origem das fotos

O aplicativo gratuito Capture gera um certificado de criação em blockchain para fotos e vídeo e rastreia alterações nos arquivos

Bruno Ignacio

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Um novo aplicativo gratuito de câmera criado sobre uma rede blockchain de segurança protege as fotos tiradas, gerando uma espécie de “certificado de criação” para imagens e rastreando possíveis alterações feitas por terceiros. Disponível para iOS e Android, o Capture surge para preservar a integridade de capturas autorais e para combater notícias falsas.

Aplicativo Capture (imagem: Divulgação)

Aplicativo Capture (imagem: Divulgação)

Todas as imagens criadas através do aplicativo de câmera têm seus metadados e certificados selados em rede blockchain. Os usuários têm a liberdade de configurar as informações precisas que entram nos dados de imagens, como a localização no ato de criação. Então, o software irá registrar quaisquer alterações realizadas nos arquivos. O Capture está disponível para download gratuito na Apple App Store e na Google Play Store e não oferece compras in-app.

Aplicativo é derivado de iniciativa open-source

O Capture é um colaborador ativo da iniciativa de código aberto Starling Framework for Data Integrity. O software surgiu justamente para proteger a veracidade de conteúdo visual online e é responsável pela criação dos certificados e rastreio de alterações nos arquivos. Essa tecnologia blockchain agora foi integrada ao aplicativo de câmera criado pela start-up Numbers Protocol, com sede em Taipei, Taiwan.

Desenvolvido em conjunto pela USC Shoah Foundation e pelo Departamento de Engenharia Elétrica da Universidade de Stanford, o Starling Framework for Data Integrity surgiu a partir de múltiplas necessidades. A preservação de testemunhos de sobreviventes de genocídios e de violência em massa é uma delas, originada pelo trabalho da Fundação.

O cofundador da Numbers Protocol, Tammy Yang, já trabalhou no passado com o Starling Framework. Em entrevista para o TechCrunch, ele conta que o objetivo por trás da criação do aplicativo é mudar a indústria da informação.

Pensado para preservar o jornalismo e a verdade

O aplicativo já foi utilizado durante as eleições primárias presidenciais nos Estados Unidos pela Reuters para preservar e armazenar com segurança suas fotos. A funcionalidade se mostra especificamente útil para jornalistas e no combate às fake news, mas qualquer usuário que queira proteger e guardar suas imagens deve se beneficiar do app.

O Capture foi criado para permitir que seus usuários tenham acesso a funcionalidades de verificação e preservação da integridade de seus próprios dados com base no Starling Framework. Yang afirma que as ondas de fake news nos últimos anos criaram mais consciência pública sobre a necessidade de preservar conteúdo original.

“Se o conteúdo é capturado em um aplicativo de câmera e depois copiado para uma plataforma de conteúdo, já é muito difícil verificar sua origem. Se eu tirar uma foto do Facebook e registrar no blockchain, isso não significa nada. É muito diferente se eu criar uma imagem com o aplicativo Capture e registrá-la imediatamente no blockchain”, conclui Yang.

Com informações: TechCrunch