Apple prepara headset de realidade virtual com recursos de AR

Dispositivo foi apelidado de “Mac Pro dos dispositivos VR” por causa do preço e das especificações de ponta

Ana Marques
Por

A Apple parece estar desenvolvendo seu primeiro headset de realidade virtual, segundo informações recentes da Bloomberg. Um novo relatório indica que o dispositivo contará com recursos de realidade aumentada limitados, o que é um pouco inusitado, já que o CEO Tim Cook já afirmou diversas vezes que tem maior interesse em AR.

Conceito de Headset VR da Apple

Conceito de Headset VR da Apple (Imagem: Reprodução/Yan Iogan via 9To5Mac)

Para quem não está familiarizado com os conceitos, vamos às definições mais básicas: enquanto a realidade aumentada traz informações digitais para o mundo real, a realidade virtual simula um universo digital e pode inserir o usuário nesse mundo.

Em exemplos bem corriqueiros, jogos como Pokémon Go e os famosos animais que o Google exibe em sua busca são formas de uso de AR. Já simulações de montanha-russa, na qual você está totalmente imerso em uma realidade paralela, são formas de aplicação de VR.

Você pode mergulhar mais no assunto em nosso artigo completo.

Uma ponte para a realidade aumentada

Se as informações da Bloomberg forem confirmadas, é provável que a Apple use o dispositivo de VR como uma ponte para um próximo gadget com maior foco em realidade aumentada. Ao que parece, o primeiro headset seria um produto de nicho, bastante caro e predecessor de um projeto ainda mais ambicioso.

Os documentos sobre o produto indicam um uso voltado para jogos – o que faz sentido especialmente devido ao Apple Arcade – e reprodução de vídeos, bem como para comunicação. Se lançado, o headset da Apple poderia concorrer com o Oculus e o PlayStation VR, entre outros.

O “Mac Pro dos dispositivos VR”

O preço alto (acima da faixa de preço da concorrência que varia de US$ 300 a US$ 900) é realmente um destaque. Não que isso seja uma novidade, vindo da Apple. No entanto, a mídia internacional vem chamando o produto de “Mac Pro de dispositivos VR” – e isso resume bem o que podemos esperar, não somente em custo, como também em especificações.

A Apple pretende incluir alguns de seus chips mais avançados e poderosos no headset, juntamente com telas de resolução muito mais alta do que as dos produtos de realidade virtual existentes. Alguns dos chips testados no dispositivo superaram o desempenho dos processadores M1 Mac da Apple. A empresa também projetou o fone de ouvido com ventilador, algo que a empresa geralmente tenta evitar em produtos móveis — Bloomberg

No mais, não há muitas informações sobre quando a Apple pode lançar o dispositivo oficialmente. Algumas especulações sugerem que pode acontecer já em 2022, mas assim como diversos outros projetos da empresa, pode ser que o headset VR nunca veja a luz do dia.

Com informações: Bloomberg

Relacionados

Relacionados