Google está levando alguns recursos do Android para o Windows 11

Windows 11 vai receber "AirDrop para Android" para fazer transferência de arquivos sem fio e suporte ao Fast Pair para agilizar pareamentos

Bruno Gall De Blasi
Por

Google também apresentou novidades ao Android durante a CES 2022. Nesta quarta-feira (5), a companhia anunciou a chegada do Nearby Share, uma espécie de “AirDrop para Android”, em computadores com Windows 11. A gigante das buscas também está levando o Fast Pair, uma ferramenta para facilitar o pareamento de dispositivos via Bluetooth, ao novo sistema operacional da Microsoft.

Google vai levar Nearby Share e Fast Pair ao Windows 11 (Imagem: Divulgação)
Google vai levar Nearby Share e Fast Pair ao Windows 11 (Imagem: Divulgação)

A inclusão das funções no Windows faz parte de um pacote de incrementos para fortalecer o ecossistema do Google. Segundo a companhia, ao conectar um celular Android a um computador com Windows, será possível configurar acessórios Bluetooth rapidamente graças ao Fast Pair. A novidade também vai liberar a sincronização de mensagens e a transferência de arquivos pelo Nearby Share.

A expansão dos recursos tende a tornar os dois sistemas operacionais mais próximos. Além disso, este pode ser um avanço do Google para bater de frente com o ecossistema da Apple que realmente mantém o iPhone, iPad, Apple Watch e afins conectados entre si. É o caso do AirDrop, uma ferramenta da Apple nativa para transferir arquivos entre dispositivos próximos sem precisar de cabo algum.

O Fast Pair será outro incremento. A tecnologia introduzida em 2017 facilita o pareamento de acessórios Bluetooth entre dispositivos diferentes. Ou seja, se você quiser parear o seu fone sem fio do celular no computador, precisará de apenas um único toque para que a conexão seja transmitida de um para o outro.

“Nós estamos trabalhando com a Acer, HP e Intel para levar essas experiências para computadores selecionados com Windows pela primeira vez neste ano”, anunciaram. 

Fast Pair no Chromebook vai facilitar a configuração de novos dispositivos (Imagem: Reprodução/Google)
Fast Pair no Chromebook vai facilitar a configuração de novos dispositivos (Imagem: Reprodução/Google)

Google expande uso do Fast Pair

Estas não são as únicas funcionalidades para incrementar o ecossistema anunciadas pelo Google na CES 2022. A companhia ainda revelou outras novidades, como a expansão do Fast Pair ao Chrome OS. Assim, a partir de algumas semanas, ao ligar fones de ouvidos habilitados para a função, o Chromebook irá detectá-los automaticamente e emparelhá-los com um único clique.

“Se você adquirir um novo Chromebook ainda este ano, poderá usar seu telefone Android para configurá-lo rapidamente e obter acesso imediato a todas as informações que já salvou, como seu login do Google e sua senha Wi-Fi”, afirmaram. 

Google prepara tecnologia para transferir conexão de fone de ouvido automaticamente (Imagem: Divulgação)
Google prepara tecnologia para transferir conexão de fone de ouvido automaticamente (Imagem: Divulgação)

Android vai alternar conexão de fones automaticamente

A gigante das buscas também pretende otimizar ainda mais a interação entre outros dispositivos. Nesta quarta-feira (5), o Google afirmou que está preparando uma tecnologia que alterna a conexão de fones Bluetooth automaticamente para outro dispositivo que você esteja ouvindo algo no momento. Calma que te explico.

Vamos supor que você está assistindo a um filme em um tablet. Neste momento, o áudio do vídeo estaria sendo emitido do tablet para o fone sem fio. Mas e se o celular receber uma ligação neste meio tempo? É aí que a tecnologia entra: ao atender, o recurso vai pausar o conteúdo, levar a conexão do fone para o smartphone para atender a chamada e depois, quando a conversa terminar, retornar ao vídeo.

Os demais recursos anunciados ficam pela chave de carro digital que será levado para mais celulares Android com Ultra Wideband (UWB). O Fast Pair também poderá ser utilizado para conectar o smartphone com outros dispositivos de casa inteligente através do suporte ao padrão Matter. O Google ainda apresentou a possibilidade de desbloquear o Chromebook com um relógio com Wear OS 3, novos recursos ao Phone Hub do Chrome OS e expansão do Chromecast embutido para alto-falantes da Bose.

“Esses recursos serão lançados ao longo do ano”, afirmaram.

Com informações: 9to5GoogleGoogle (Blog) e The Verge