“NFTs são golpe”: loja de jogos indie Itch.io se posiciona e divide opiniões

Itch.io, plataforma de jogos indie, critica NFTs sem pudor no Twitter e gera discussão acalorada sobre a polêmica tecnologia de tokens em blockchain

Bruno Ignacio
Por

Tem muita gente odiando NFTs, ou tokens não fungíveis, e isso já sabemos. No entanto, a Itch.io, uma plataforma que hospeda, vende e disponibiliza para download jogos indie, se posicionou enfaticamente contra os polêmicos ativos digitais no Twitter. Naturalmente, a thread evoluiu para uma grande e polêmica discussão.

Meme “Disaster Girl” foi leiloado como um NFT (Imagem: Reprodução/ David Roth)

A conta oficial da Itch.io disse em um tweet que estava sendo questionada por algumas pessoas sobre sua posição sobre os NFTs. A plataforma respondeu bem diretamente e sem nenhum eufemismo:

“NFTs são uma farsa. Se você acha que eles são legitimamente úteis para qualquer outra coisa que não seja a exploração de criadores, golpes financeiros e a destruição do planeta, pedimos que reavalie suas escolhas de vida.”

Sem medir palavras, a Itch.io seguiu argumentando contra a tecnologia:

“E também que se f*** qualquer empresa que diga que apoia criadores e também endossa NFTs de alguma forma. Eles só se preocupam com seu próprio lucro e a oportunidade de riqueza acima de qualquer outra pessoa… Especialmente dado que agora os problemas dos NFTs são facilmente encontrados.”

NFTs geram polêmica há quase um ano

Vale lembrar que os tokens não fungíveis começaram a bombar no começo do ano passado, chamando a atenção dos noticiários de todo o mundo com vendas milionárias de obras digitais, como a do Beeple, leiloada por US$ 69 milhões.

Depois disso, muita arte (afinal, qual o limite que define o que é arte mesmo?) também fizeram muito sucesso e venderam coleções atrás de coleções por preços estratosféricos. Sim, estamos falando dos famosos “Bored Ape Yacht Club” e outros.

Obra NFT de Beeple: "Everydays: The first 5000 days", vendida por US$ 69 milhões (Imagem: Reprodução)
Obra NFT de Beeple: “Everydays: The first 5000 days”, vendida por US$ 69 milhões (Imagem: Reprodução)

No entanto, esses ativos não se restringem a arte digital. Na realidade, qualquer coisa pode ser um NFT, e isso parece ser o grande problema. A autenticação “única” em redes blockchain deram espaço para um novo mercado de colecionáveis digitais. Os avatares pixelados CryptoPunks, pioneiros da tecnologia e hoje considerados raríssimos, seguem sendo negociados por milhares de dólares.

Coleção de NFTs de avatares CryptoPunks (Imagem: Reprodução/Christie's)
Coleção de NFTs de avatares CryptoPunks são copiados constantemente (Imagem: Reprodução/Christie’s)

Empresas então começaram a lançar NFTs de todo tipo de coisa, música, GIFs, mais “arte”, ingressos de shows com benefícios e etc. O que há em comum entre todas essas utilizações é que elas garantem a “exclusividade” do ativo, que pode ou não se valorizar com o tempo e ser revendido com uma margem de lucro para seu dono atual.

Bom, a Itch.io realmente detesta tudo isso, e parece que sua thread no Twitter deu espaço para muito mais pessoas argumentarem tanto contra quanto a favor dos NFTs:

“Esse é o espírito”

@TheChaosmeister no Twitter


“Como um criador que vende coisas na Itch.io, obrigado!”

@DarkForestPress no Twitter


“Abençoado seja que isso foi dito! #FuckNFTs”

@Hiraku_917 no Twitter

Esses são apenas alguns de muitos comentários apoiando o posicionamento da plataforma e jogando “hate” sobre esses ativos digitais.

No entanto, sempre existe o outro lado:

“Nem todos os #NFTs são criados igualmente, como muitas coisas na vida… A ignorância é uma benção. Retire alguns preconceitos, ofereça soluções, não apenas seus problemas.”

@bai_ee no Twitter

“NFTs têm um potencial de adoção insano para setores como emissão de tickets, licenciamento, jurídico, jogos, e também como prova de propriedade para basicamente qualquer coisa, e se você acha que são apenas JPGs, você está perdendo o ponto central da questão.”

@ironman1798 no Twitter

“Isso não é um argumento, isso é uma regurgitação emocional sem sentido.”

@christiandean_ no Twitter

Além disso, a plataforma foi acusada de ser um tanto contraditória. Acontece que a Itch.io permite que qualquer game entre em seu catálogo, e aparentemente não há curadoria alguma. Portanto, já existem apps e softwares que incluem blockchain, criptomoedas e NFTs sendo disponibilizados através dela.

Itch.io também oferece games com NFTs (Imagem: Reprodução)
Itch.io também oferece games com NFTs (Imagem: Reprodução)

Essa discussão não é nova e já se estende há quase um ano. No entanto, vale lembrar que NFTs são uma tecnologia, não um partido político ou religião para se advogar fervorosamente a favor ou contra. No entanto, sempre será necessário identificar problemas envolvendo suas aplicações para que debates saudáveis consigam gerar soluções.

Relacionados

Relacionados