Canal da Samsung Brasil no YouTube é hackeado para promover criptomoedas

Hackers invadem canal da Samsung do Brasil no YouTube e publicam vídeo sobre Bitcoin e Ethereum; perfil teve nome alterado

Bruno Gall De Blasi
Por

A semana não começou muito bem para a Samsung Brasil. O canal no YouTube da fabricante de celulares, televisões, eletrodomésticos e afins foi tomado por hackers na madrugada desta segunda-feira (4) para promover criptomoedas. Ao Tecnoblog, a companhia confirmou a invasão ao seu perfil da plataforma de streaming.

Canal da Samsung Brasil no YouTube é invadido por hackers nesta segunda-feira (4) (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)
Canal da Samsung Brasil no YouTube é invadido por hackers nesta segunda-feira (4) (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

O relato surgiu por volta de 1h40. Em um tweet publicado por @marcosjungbluth, o usuário da rede social compartilhou uma captura da tela do canal Samsung Brasil com uma transmissão ao vivo sobre como um Bitcoin pode chegar a mais de US$ 120 mil. O perfil da marca, vale lembrar, é verificado e tem 1,46 milhão de inscritos.

Acessei o perfil por volta das 9h do mesmo dia. Durante a minha verificação, observei que a página inicial do canal do YouTube já não trazia mais nenhum conteúdo sobre criptomoedas, como o Bitcoin e a Ethereum, e perdeu a verificação. O nome da conta, no entanto, foi alterado de “Samsung Brasil” para “MicroStrategy”.

Canal da Samsung Brasil é invadido para promover criptomoedas (Imagem: Reprodução/@marcosjungbluth/Twitter)
Canal da Samsung Brasil é invadido para promover criptomoedas (Imagem: Reprodução/@marcosjungbluth/Twitter)

Vídeos da Samsung Brasil permanecem no perfil

Os vídeos da própria Samsung, por outro lado, permaneceram disponíveis. É o caso de um conteúdo publicado em 1º de abril, que traz uma brincadeira de como seria a apresentação do Galaxy S22 na segunda temporada da série Bridgerton. As playlists também continuam publicadas no canal, mas a descrição do canal está em branco.

Em nota ao Tecnoblog na tarde desta segunda-feira (4), a Samsung Brasil confirmou que o perfil foi invadido nesta madrugada e que “conteúdos não oficiais e não relacionados à empresa foram divulgados”. Mas, ainda de acordo com a fabricante, o acesso ao perfil já foi reestabelecido. A página inicial do canal também foi restaurada.

Canal da Samsung Brasil no YouTube tem nome alterado após invasão (Imagem: Reprodução/Tecnoblog)
Canal da Samsung Brasil no YouTube tem nome alterado após invasão (Imagem: Reprodução/Tecnoblog)

Canal brasileiro também foi invadido em 2021

Cabe lembrar que esta não é a primeira invasão em um perfil de YouTube brasileiro com muitos inscritos. Em setembro de 2021, o canal Loop Infinito foi atacado por hackers que publicaram vídeos para promover criptomoedas. Em outubro, o Google também chegou a alertar sobre phishing no YouTube e venda de canais sequestrados. 

Com informações: Twitter (@marcosjungbluth)

Atualizado às 15h51 com o posicionamento da Samsung Brasil.

Relacionados

Relacionados