Intel prepara chips Core de 16 núcleos para brigar com AMD em notebooks

Chips Intel Alder Lake-HX com até 16 núcleos devem equipar notebooks de alto desempenho e brigar com linha AMD Ryzen 6000

Emerson Alecrim
Por

A Intel lançou vários processadores da família Core de 12ª geração, mas há espaço para mais: são fortes os sinais de que a companhia anunciará em breve os chips Alder Lake-HX. Direcionados a notebooks de alto desempenho, eles devem contar com até 16 núcleos e, aparentemente, disputarão espaço com a linha Ryzen 6000, revelada pela AMD no início do ano.

Chip Core de 12ª geração série H (imagem: divulgação/Intel)
Chip Core de 12ª geração série H (imagem: divulgação/Intel)

Os chips Intel Core de 12ª geração anunciados até agora são divididos em três séries: Alder Lake-H, Alder Lake-P e Alder Lake-U. A série H é focada em alto desempenho. Com isso, percebemos facilmente que os modelos Alder Lake-HX, se confirmados, aparecerão como uma continuação ou evolução dos chips H, ou seja, darão ainda mais prioridade para o aspecto da performance.

Foco no desempenho

Nesse sentido, o rumor de que a provável nova linha terá até 16 núcleos não soa como surpresa (para fins de comparação, o processador Alder Lake-H mais poderoso tem 14). De acordo com o site chinês ITHome, serão pelo menos cinco chips nessa leva — o veículo afirma ter descoberto esses modelos em um anúncio das novas workstations Dell Precision 7770 e 7670:

ChipNúcleos / ThreadsFrequênciaBoost
Intel Core i9-12950HX (vPro)16 / 242,3 GHz5 GHz
Intel Core i9-12900HX16 / 242,3 GHz5 GHz
Intel Core i7-12850HX (vPro)16 / 242,1 GHz4,8 GHz
Intel Core i7-12800HX16 / 242 GHz4,8 GHz
Intel Core i5-12600HX12 / 162,5 GHz4,6 GHz

Repare que, se a tabela estiver correta, a Intel terá não um ou dois, mas quatro processadores Alder Lake-HX com 16 núcleos. E, sim, todos eles seguirão a estratégia das demais séries da 12ª geração: combinar núcleos de alto desempenho com núcleos econômicos no consumo de energia.

Falando em consumo, esse pode ser o “ponto fraco” da série HX. As suas especificações completas ainda são desconhecidas, mas é provável que iremos nos deparar com um aumento de TDP aqui. O Tom’s Hardware aponta que os novos processadores provavelmente trabalharão com 55 W — na série H, essa medida fica em 45 W.

Como a série Alder Lake-HX terá o desempenho como foco, esse não chega a ser um ponto ruim. Os novos chips deverão equipar notebooks que não são transportados com muita frequência, a exemplo de workstations e, talvez, laptops para jogos.

Uma dúvida que fica no ar é: os processadores HX realmente competirão com os chips Ryzen 6000? Os modelos da AMD têm até oito núcleos, mas essa quantidade, por si só, não é um bom parâmetro de comparação. Temos que esperar por mais detalhes para apostar em quem vencerá essa briga.

Quando os chips Alder Lake-HX serão anunciados?

Como a Intel ainda não confirmou a série Alder Lake-HX, não há informação sobre previsão de lançamento. Mas o Tom’s Hardware observou um detalhe importante: a Asus vai realizar o evento Pinnacle of Performance em 9 de maio; há boas chances de que workstations baseadas nos novos chips sejam reveladas por lá.

Em outras palavras, não deve demorar para termos novidades.

Relacionados

Relacionados