Início / Notícias / Finanças /

Token lastreado em dívidas de SP custa R$ 50 e promete até 46% de retorno

FTPCL-0053 é novo token lastreado em dívidas públicas do estado de São Paulo da Foxbit; cada unidade custa R$ 50, com resgate antecipado a partir de junho

Bruno Ignacio

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

A Foxbit Tokens, empresa especializada em ativos alternativos tokenizados, anunciou recentemente seu terceiro token de precatório, lastreado em dívidas públicas do estado de São Paulo. O produto financeiro, batizado de FTPCL-0053, pode ser negociado a partir de R$ 50 a unidade e promete retornos entre 22% e 46% sob o valor investido.

Token é alternativa a opções do mercado financeiro tradicional (Imagem: Nicholas Cappello/Unsplash)
Token é alternativa a opções do mercado financeiro tradicional (Imagem: Nicholas Cappello/Unsplash)

No caso, um precatório é um título executivo judicial que conta com liquidez, certeza e exigibilidade. Na prática, é uma dívida originada por meio de um processo judicial, pela qual o poder judiciário emite um documento determinando que o Governo pague indenização ao detentor do precatório.

Ou seja, esses títulos são fruto de uma derrota de um ente público em processo judicial. Além disso, o precatório FTPCL-0053 da Foxbit é do tipo estadual, mais especificamente do estado de São Paulo, e não está sendo afetado pela PEC dos precatórios.

“Os ativos tokenizados são sem dúvida um dos caminhos para uma rentabilidade acima da média com risco controlado. Outro fator importante é que os ativos podem ser negociados a partir de R$50,00 a unidade, o que torna o investimento acessível a todos.”

Ricardo Dantas, CO-CEO da Foxbit, em comunicado

O novo token é o terceiro do tipo a ser oferecido pela Foxbit Tokens, uma marca desenvolvida pelo grupo Foxbit especializada na criação e negociação de ativos alternativos tokenizados.

Em comunicado, a companhia afirmou que esse tipo de investimento vem ganhando força no mercado financeiro. Para o investidor, a Foxbit promete mais benefícios do que em outras aplicações populares. Alguns exemplos são valores unitários baixos e rentabilidades acima da média do mercado tradicional. O FTPCL-0053 vai contar com apenas 11.265 tokens à venda.

Token permite resgate antecipado, mas há taxa

Há diversos apps que permitem acompanhar seus investimentos (Imagem: Austin Distel/Unsplash)
Token FTPCL-005 pode ser resgatada a partir de junho de 2022 (Imagem: Austin Distel/Unsplash)

A empresa também afirma que investidores que não puderem aguardar o prazo final de pagamento pelo estado de São Paulo têm a possibilidade de um resgate antecipado a partir de junho de 2022. No entanto, a retirada será baseada no valor do token no momento da venda. Nesses casos, também será cobrada uma taxa de 5% sob o montante resgatado.

Por outro lado, mantendo o investimento até o período completo de pagamento pelo estado de São Paulo, nenhuma taxa será cobrada. Dessa forma, a companhia estima retornos entre 22% e 46% sob o valor total investido.

Como o produto financeiro é um lote que agrega sete precatórios, cada token é composto por uma porcentagem de cada título. Dessa maneira, são esperadas datas distintas de pagamentos, assim como cenários específicos de retorno entre eles.

A Foxbit lançou seu segundo token de precatório em outubro de 2021, lastreado em dívidas diferentes, mas também do estado de São Paulo. Na época, a companhia afirmou em comunicado que seu primeiro ativo do tipo foi um grande sucesso e que todas as unidades esgotarem rapidamente.

O terceiro token de precatório da Foxbit já está disponível para a negociação na plataforma da empresa ou por meio do site Foxbit Crypto Assets.