Notícias Aplicativos e Software

Google TV começa a receber suporte para múltiplos perfis

Recurso prometido em 2021 traz recomendações, listas do que assistir e respostas do Google Assistente personalizadas para cada usuário

Giovanni Santa Rosa
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Dificilmente todas as pessoas de uma casa têm os mesmos gostos e preferências. Compartilhar uma televisão, então, pode transformar o sistema em uma bagunça. A Google TV vai começar a resolver isso, com perfis, recomendações e listas individuais na página inicial.

TV QLED TCL C825, com Google TV
TV QLED TCL C825, com Google TV (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

O recurso foi anunciado pelo Google em 2021, mas sofreu atrasos e ficou para 2022 mesmo. Com os múltiplos perfis, cada pessoa da casa pode ter seu espaço personalizado na mesma TV.

As recomendações de filmes e séries são escolhidas automaticamente com base no que foi visto, e a listas com itens salvos para assistir depois ficam separadas para cada um.

Perfis do Google TV
Perfis do Google TV (Imagem: Divulgação/Google)

É bem parecido com o que praticamente todos os serviços de streaming fazem. Como a interface do Google TV foi pensada para descoberta de conteúdo, faz sentido que haja essa divisão também no sistema.

Mesmo com essa separação, os aplicativos e logins continuam sendo comuns a todos os perfis — você não vai precisar instalar tudo de novo para cada pessoa.

Há também a opção de criar perfis infantis, com conteúdo destinado aos pequenos e ferramentas especiais, como limites de tempo e horário.

Perfil infantil da Google TV
Perfil infantil da Google TV (Imagem: Divulgação/Google)

Um ponto interessante é que dá para vincular cada perfil a uma conta do Google. Assim, perguntas para o Google Assistente tendem a vir mais personalizadas também, usando como base o histórico de buscas.

Google TV está em televisores, boxes e dongles

O recurso deve chegar a todos os aparelhos com Google TV nas próximas semanas. O sistema, sucessor do Android TV, fez sua estreia na mais recente geração do Chromecast.

O aparelho foi lançado em setembro de 2020, mas não chegou oficialmente ao Brasil. Por aqui, TVs da TCL usam a plataforma, além de boxes e dongles, como o Mi Stick e o Elsys Smarty.

Com informações: Google, XDA-Developers.

Giovanni Santa Rosa

Giovanni Santa Rosa é formado em jornalismo pela ECA-USP e cobre ciência e tecnologia desde 2012. Foi editor-assistente do Gizmodo Brasil e escreveu para o UOL Tilt e para o Jornal da USP. Cobriu o Snapdragon Tech Summit, em Maui (EUA), o Fórum Internacional de Software Livre, em Porto Alegre (RS), e a Campus Party, em São Paulo (SP). Atualmente, é autor no Tecnoblog.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque