Notícias Celular

Anatel também tem proposta para levar USB-C ao iPhone

Após exigência da União Europeia, Anatel abre consulta pública sobre padronização do conector USB-C para carregamento de celulares

Lucas Braga
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

A União Europeia exigiu a adoção da porta USB-C em todos os smartphones vendidos no bloco, e uma medida similar também pode acontecer no Brasil. A Anatel, que determina as regras para homologação de dispositivos, abriu uma consulta pública sobre a padronização dos carregadores de celular.

USB-C (imagem: Ajay Suresh/Flickr)
Cabo USB-C (imagem: Ajay Suresh/Flickr)

A proposta da Anatel é baseada nos novos requisitos europeus e considera a comissão de senadores dos EUA, que luta pela padronização do conector de carga dos celulares. A agência também optou pelo USB-C, que está presente na maioria dos smartphones Android vendidos hoje em dia.

A Anatel afirma que a padronização “permitirá maior conveniência dos consumidores” e “possivelmente reduzirá resíduos eletrônicos pelo reaproveitamento de carregadores” quando houver trocas de aparelho. Na proposta da agência, a obrigatoriedade para o USB-C começaria a partir de 1º de julho de 2024.

Como carregar o celular
iPhone usa conector Lightning, enquanto maioria dos Androids usam USB-C (Imagem: mhoppsy/Pixabay)

Caso o texto proposto seja aprovado de forma integral, a exigência do conector USB-C existirá apenas para celulares com possibilidade de carregamento via cabo. Com isso, Apple e outras fabricantes não ficam impedidas de eliminar totalmente os cabos e criar smartphones que só podem ser carregados por indução (sem fio).

Embalagens devem indicar requisitos de carga

Além de unificar os conectores para o USB-C, a proposta da Anatel prevê a padronização dos protocolos de carregamento dos dispositivos. As embalagens e o manual dos celulares devem indicar a potência mínima e se há suporte a carregamento rápido.

Por contemplar apenas celulares, a proposta da Anatel é menos exigente que a da União Europeia. O bloco também prevê a padronização com USB-C até 2024 para câmeras, leitores de e-books, fones de ouvido, videogames portáteis e alto-falantes recarregáveis.

Por se tratar de uma consulta pública, qualquer pessoa, empresa ou entidade poderá enviar sua opinião. As contribuições podem ser feitas até 26 de agosto de 2022 pela plataforma Participa Anatel.

Lucas Braga

Autor especializado em telecom

Lucas Braga é analista de sistemas que flerta seriamente com o jornalismo de tecnologia. Com mais de 10 anos de experiência na cobertura de telecomunicações, lida com assuntos que envolvem as principais operadoras do Brasil e entidades regulatórias. Seu gosto por viagens o tornou especialista em acumular milhas aéreas.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque