Notícias Jogos

Bandai Namco sofre ataque hacker e começa a investigar possíveis vazamentos

Distribuidora de Elden Ring confirma invasão por meio de ransomware BlackCat; danos do ataque hacker estão sendo analisados

Murilo Tunholi
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

A Bandai Namco sofreu, no início desta semana, um ataque hacker via ransomware conhecido como BlackCat. Nesta quarta-feira (13), a distribuidora japonesa responsável por Elden Ring confirmou a invasão e disse estar analisando os possíveis danos e vazamentos de dados sensíveis de jogadores e outras empresas.

Elden Ring (Imagem: Divulgação/Bandai Namco)
Elden Ring (Imagem: Divulgação/Bandai Namco)

No Twitter, o usuário @vxunderground publicou uma foto em que a grupo hacker BlackCat alegava ter dados da distribuidora de jogos para vazar a qualquer momento.

Vale mencionar que esse perfil é conhecido por relatar diversos ataques hacker, como as invasões arquitetadas pelo grupo Lapsus$ à Microsoft e à Nvidia.

Outro perfil que costuma divulgar ataques, o DarkFeed (@ido_cohen2), também identificou a invasão à Bandai Namco.

Bandai Namco confirma ataque hacker

Em um comunicado enviado ao Eurogamer, a Bandai Namco confirmou que membros do BlackCat haviam invadido os “sistemas internos de diversas empresas do grupo em regiões da Ásia, com exceção do Japão”. Além disso, a companhia comentou o seguinte:

“Depois que confirmamos o acesso não autorizado, tomamos medidas como bloquear o acesso aos servidores para evitar que os danos se espalhassem. Além disso, existe a possibilidade de que as informações de cliente relacionados ao Toys and Hobby Business nas regiões asiáticas (excluindo o Japão) tenham sido incluídas nos servidores e PCs. Atualmente, estamos identificando o status sobre a existência de vazamento, escopo do dano e investigando a causa.

Continuaremos a investigar a causa deste incidente e divulgaremos os resultados da investigação conforme apropriado. Também trabalharemos com organizações externas para fortalecer a segurança em todo o grupo e tomaremos medidas para evitar a reincidência.

Oferecemos nossas mais sinceras desculpas a todos os envolvidos por quaisquer complicações ou preocupações causadas por este incidente”.

Bandai Namco.

Bandai Namco se junta a outras vítimas de invasões

A Bandai Namco é mais uma empresa de videogames vítima de ataque hacker. Invasores como o grupo BlackCat utilizam ransomware para roubar dados e informações valiosas de seus alvos. Em seguida, os cibercriminosos exigem dinheiro para que os arquivos não sejam vazados publicamente.

Vale lembrar que, no início de 2021, a CD Projekt Red também sofreu um ataque hacker. A empresa polonesa responsável pelas franquias The Witcher e Cyberpunk 2077 teve dados roubados pelo ransomware HelloKitty.

No final de 2020, a Capcom foi vítima de uma invasão realizada por meio do ransomware conhecido como Ragnar Locker. Na época, todas as redes internas e externas da produtora foram desligadas, de maneira temporária.

Algum tempo após o ataque à Capcom, informações importantes da empresa começaram a aparecer na internet, como diversos lançamentos que não tinham sido anunciados ainda, incluindo Dragon’s Dogma 2.

Com informações: Kotaku, Eurogamer.

Murilo Tunholi

Ex-autor

Jornalista, atua como repórter de videogames e tecnologia desde 2018. Tem experiência em analisar jogos e hardware, assim como em cobrir eventos e torneios de esports. Antes do Tecnoblog, passou pela Editora Globo (TechTudo) e Mosaico (Buscapé/Zoom). É apaixonado por gastronomia, informática, música e Pokémon. Já cursou Química, mas pendurou o jaleco para realizar o sonho de trabalhar com games.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque