Notícias Aplicativos e Software

VMware leva Windows 11 a Macs com chip Apple M1

Atualização do VMWare Fusion permite a instalação do Windows 11 em máquinas virtuais em Macs com o processador Apple M1

Bruno Gall De Blasi
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Apple deixou os processadores Intel de lado em 2020. Apesar de a transação garantir mais velocidade e desempenho aos Macs, esta mudança dificultou a instalação do Windows em computadores da marca com arquitetura ARM – até mesmo em máquinas virtuais. Felizmente, o VMware foi atualizado para possibilitar a virtualização do Windows 11 em Macs com Apple M1 nesta quinta-feira (28).

VMware é atualizado e passa a oferecer suporte ao Windows 11 em Macs com ARM (Imagem: Divulgação)
VMware é atualizado e passa a oferecer suporte ao Windows 11 em Macs com ARM (Imagem: Divulgação)

A novidade deu as caras no Tech Preview da versão Fusion 22H2. Segundo os responsáveis pelo software, a atualização permite que os usuários criem máquinas virtuais com o Windows 11 Macs tanto com Apple Silicon quanto com Intel. A compilação ainda permite a virtualização do TPM 2.0, um dos pré-requisitos do sistema operacional.

A atualização também garante melhorias nos gráficos e encriptação mais rápida. “Com o novo modo de ‘criptografia rápida’, apenas as partes mais críticas do espaço de armazenamento local da máquina virtual são criptografadas”, afirmaram. “A criptografia rápida pode ser habilitada para todos os tipos de VM nas configurações de VM”.

Windows 11 virtualizado em um Mac com Apple M1 (Imagem: Divulgação)
Windows 11 virtualizado em um Mac com Apple M1 (Imagem: Divulgação)

Atualização soluciona bugs, mas ainda tem limitações

O VMware fez algumas observações em relação ao update do Fusion. É o caso da solução de bugs ao fazer boots em distribuições de Linux com o kernel na versão 5.15 ou superior. Mas ainda existe algumas limitações quando o software é usado especialmente em Macs com Apple Silicon, como a ausência de suporte à execução de VMs em diferentes arquiteturas.

“As máquinas virtuais macOS estão fora do escopo desta versão, mas é algo que estamos analisando”, ressaltaram. “Ubuntu 20.04.4 e 22.04 para arm64 não estão inicializando no momento (compilações do Ubuntu 20.04.4 a partir de 5 de julho). Estamos trabalhando para resolver isso.”

A nova versão ainda traz melhorias no suporte ao Linux em Macs com M1. Os responsáveis pela máquina virtual, no entanto, não citaram o Apple M2 nas notas de atualização.

VMWare Workstation ganhou suporte ao Windows 11 (Imagem: Divulgação)
VMware Workstation ganhou suporte ao Windows 11 (Imagem: Divulgação)

VMware Workstation ganha suporte ao Windows 11

Além do Fusion, o Tech Preview do Worsktation também foi liberado. E a grande novidade gira em torno do suporte ao Windows 11, com auxílio da virtualização do TPM 2.0. Os usuários também ganham suporte ao OpenGL 4.3 e a auto-inicialização de máquinas virtuais ao ligar o computador.

O Public Tech Preview 22H2 já está disponível para download:

Com informações: VMware (1 e 2)

Bruno Gall De Blasi

Bruno Gall De Blasi é jornalista e cobre tecnologia desde 2016. Sua paixão pelo assunto começou ainda na infância, quando descobriu "acidentalmente" que "FORMAT C:" apagava tudo. Antes de seguir carreira em comunicação, fez Ensino Médio Técnico em Mecatrônica com o sonho de virar engenheiro. Entrou para o Tecnoblog em 2020 e também escreveu para o TechTudo e iHelpBR.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque