Notícias Celular

iPhone para Sempre, do Itaú, passa a oferecer seguro com AppleCare Services

Com preços a partir de R$ 56,30 mensais, Seguro iProteção com AppleCare Services cobre quebra acidental e garante conserto em autorizadas da Apple

Giovanni Santa Rosa
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

O Itaú vende iPhones por meio do programa iPhone para Sempre, com parcelamento em 21 meses e possibilidade de troca ao fim do período. Ele acaba de ficar mais completo: o banco lançou o serviço Seguro iProteção com AppleCare Services, que adiciona proteção contra quebra acidental, roubo e furto qualificado.

Apple iPhone SE (2022) (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)
Apple iPhone SE (2022) (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

O Seguro iProteção é oferecido em parceria com a seguradora Assurant. Ele inclui:

  • garantia de até dois anos;
  • acesso prioritário ao suporte da Apple por chat ou telefone;
  • reparos nas Apple Stores e prestadores de serviço autorizadas;
  • cobertura para queda acidental, derramamento de líquidos e defeitos funcionais;
  • cobertura opcional para roubo ou furto qualificado mediante arrombamento.

O seguro pode ser contratado pelos apps do Itaú em até 30 dias da compra do aparelho. Os preços ficam entre R$ 56,30 e R$ 177,30.

Preços e franquias do Seguro iProteção do Itaú

Sem cobertura para roubo e furto qualificado:

  • iPhone SE 2ª geração: R$ 56,30
  • iPhone XR, 11, 12, 12 Mini, 13, 13 Mini: R$ 65,70
  • iPhone 11/12/13 Pro, 11/12/13: R$ 86,90

Com cobertura para roubo e furto qualificado:

  • iPhone SE 2ª geração: R$ 86,60
  • iPhone XR, 11, 12, 12 Mini, 13, 13 Mini: R$ 111,30
  • iPhone 11/12/13 Pro, 11/12/13: R$ 177,30

Nos primeiros 30 dias do lançamento, o Itaú está oferecendo 20% de desconto sobre a mensalidade.

Caso o cliente acione o seguro, há a cobrança de franquia, de acordo com o incidente:

  • tela: R$ 179
  • quebra acidental: R$ 599
  • roubo/furto: 25% do valor do aparelho
  • defeito funcional: não há cobrança

AppleCare Services não é AppleCare+ (mas é quase)

É importante entender que o que o Itaú está oferecendo é um seguro com AppleCare Services, mas não o AppleCare Protection Plan ou o AppleCare+. Isso pode ser um pouco confuso.

O AppleCare Protection Plan é um produto da Apple que funciona como garantia estendida, oferecendo suporte técnico, de software e serviços de reparo.

No Brasil, ele está disponível para Macs, iPads, Apple TVs e iPods, mas não iPhones.

No exterior, há o AppleCare+. Além de garantia estendida e outras vantagens do AppleCare Protection Plan, ele oferece cobertura contra danos acidentais, com até dois incidentes a cada 12 meses e consertos por uma taxa reduzida.

O AppleCare+ não é oferecido oficialmente no Brasil.

O Seguro iProteção com AppleCare Services, do Itaú, conta os serviços da Apple para reparo, assim como o uso de peças genuínas. Ele também cobre quebra acidental e pode ser acionado no exterior.

Por tudo isso, ele se parece bastante com o AppleCare+.

O Itaú não é a única empresa a oferecer seguro com AppleCare Services no Brasil.

A iPlace, rede de lojas especializada em produtos apple, tem o iPlaceCare.

Ele também oferece cobertura contra quebra acidental, roubo e furto qualificado, e pode ser acionado de qualquer lugar do mundo. Os preços começam em R$ 87,50 mensais, para o iPhone SE, e chegam a R$ 203,11 para o iPhone 13 Pro Max.

Giovanni Santa Rosa

Giovanni Santa Rosa é formado em jornalismo pela ECA-USP e cobre ciência e tecnologia desde 2012. Foi editor-assistente do Gizmodo Brasil e escreveu para o UOL Tilt e para o Jornal da USP. Cobriu o Snapdragon Tech Summit, em Maui (EUA), o Fórum Internacional de Software Livre, em Porto Alegre (RS), e a Campus Party, em São Paulo (SP). Atualmente, é autor no Tecnoblog.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque