Poco C50 pode ser o próximo celular de baixo custo da Xiaomi

Xiaomi deve revelar Poco C50 com ficha técnica de entrada; celular pode ter processador MediaTek e Android 12 de fábrica

Bruno Gall De Blasi
Por

Xiaomi está se preparando para revelar mais um novo smartphone. Neste domingo (28), o Poco C50 deu as caras em um banco de dados, sugerindo o seu lançamento em uma data próxima. A expectativa é de que o celular seja revelado aos consumidores com ficha técnica de entrada e Android 12 de fábrica.

Poco C50 pode ser o sucessor do Poco C40 (foto) com ficha técnica de entrada (Imagem: Divulgação/Xiaomi)
Poco C50 pode ser o sucessor do Poco C40 (foto) com ficha técnica de entrada (Imagem: Divulgação/Xiaomi)

A aparição do celular na base de IMEIs foi descoberta pelo Xiaomiui. Segundo o site, o celular de modelo 220733SPI será apresentado ao público com o nome comercial Poco C50. O código, vale lembrar, é similar ao esperado Redmi A1, que deu as caras no mesmo banco de dados e em agências reguladoras com o modelo 220733SL.

Ao que tudo indica, o Poco C50 será comercializado apenas na Índia. O smartphone ainda deve trazer algumas semelhanças com o Redmi A1, como a ficha técnica de entrada com o processador MediaTek Helio A22, 3 GB de RAM e Android 12 de fábrica. É o que aponta uma análise do celular de modelo 2270733SG, que deve ser destinado ao mercado global, enviada ao Geekbench em 9 de agosto.

Poco C50 também deu as caras na FCC

Outros detalhes deram as caras na certificação da FCC, a agência de telecomunicações dos Estados Unidos. Segundo os documentos de homologação, o celular terá suporte ao Wi-Fi de 2,4 GHz e Bluetooth. Já as medidas seriam de 164,67 mm de altura e 76,56 mm de largura.

As demais especificações, como tamanho de tela, câmeras e capacidade de bateria, ainda são um mistério. A data e o preço de lançamento também não foram revelados. Mas o celular deve seguir a receita do Poco C40, que foi lançado no Vietnã por 3,5 milhões de dongs (cerca de R$ 750 em conversão direta).

Com informações: Gizmochina (1 e 2) e Xiaomiui