Táxi voador encomendado pela Gol levanta voo pela primeira vez

VX4, da Vertical Aerospace, saiu do chão pela primeira vez em teste; táxi voador tem pré-encomenda de 250 unidades pela Gol

Emerson Alecrim
Por

Para muitas empresas, a ideia de um táxi voador deixará de ser ficção em um futuro não muito distante. Uma delas é a Vertical Aerospace. De origem britânica, a startup acaba de concluir o primeiro teste de voo do VX4, táxi voador encomendado por várias companhias aéreas, incluindo a brasileira Gol.

Protótipo do VX4 (imagem: divulgação/Vertical Aerospace)
Protótipo do VX4 (imagem: divulgação/Vertical Aerospace)

Na primeira olhada, o VX4 lembra um helicóptero, ainda que bem diferente dos modelos tradicionais. Mas, na verdade, estamos falando de um veículo elétrico de decolagem e pouso vertical (eVTOL, na sigla em inglês).

Chamar o veículo de “táxi voador” ou “táxi aéreo” não chega a ser um exagero. A Vertical Aerospace projetou o VX4 para transportar até quatro passageiros, mais o piloto. Além disso, a novidade deve realizar somente viagens curtas, ligando aeroportos ou cidades em voos de até 30 minutos.

1,5 m de altura no primeiro teste

No último fim de semana, o VX4 levantou voo pela primeira vez. Dentro de um hangar e amarrado ao chão por segurança, o veículo atingiu uma altura de 5 pés — cerca de 1,5 m — e ficou nela por alguns minutos até pousar.

O teste foi realizado com um piloto dentro da aeronave. De certa forma, esse é um modo de a startup dizer que o veículo já é seguro o suficiente para realizar testes tripulados.

Teste com o VX4 (imagem: divulgação/Vertical Aerospace)
Teste com o VX4 (imagem: divulgação/Vertical Aerospace)

Mas só 1,5 m de altura? Só. Porém, este não deixa de ser um passo importante para a Vertical Aerospace, como comenta Justin Paines, piloto chefe da startup:

Esse teste representa a culminação de muitos meses de preparação por um time grande, e estar nos controles do VX4 pela primeira fez foi uma honra e um momento de orgulho para todos nós.

Os próximos passos serão mais ousados. O VX4 deverá voar, em baixa velocidade, a uma altitude de 50 pés — 15 m, aproximadamente. Na fase final de testes, a aeronave terá que voar entre 5.000 e 10.000 pés — 1.500-3.000 m.

Quando finalizado, o VX4 poderá cobrir distâncias de até 160 km e registrar velocidade máxima de 320 km/h.

YouTube video

Gol quer 250 táxis voadores

Apesar de não ser um produto finalizado, o VX4 já tem 1.400 unidades pré-encomendadas. Entre as companhias que já têm acordos com a Vertical Aerospace estão a American Airlines, a Virgin Atlantic e a Gol Linhas Aéreas.

A companhia aérea brasileira anunciou planos de criar uma malha de táxis voadores no Brasil há um ano. Para essa operação, a Gol pretende adquirir ou arrendar 250 unidades do VX4. Não havendo atrasos nas certificações ou nas entregas, a empresa espera iniciar as operações com esses veículos em meados de 2025.

Gol também encomendou o VX4 (imagem: divulgação/Vertical Aerospace)
Gol também encomendou o VX4 (imagem: divulgação/Vertical Aerospace)

Vale destacar que a Vertical Aerospace é uma entre várias empresas que apostam no sucesso desses veículos. A Embraer é outra. A companhia brasileira tem uma subsidiária chamada Eve Air Mobility que foi criada justamente para desenvolver eVTOLs.

Emerson Alecrim

Repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais e negócios. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Em 2022, foi reconhecido no Prêmio ESET de Segurança em Informação. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém o site Infowester.

Relacionados

Relacionados