WhatsApp começa a disponibilizar a assinatura do Premium para empresas

WhatsApp Premium permite conectar a conta em até dez aparelhos diferentes; plano pago é exclusivo do aplicativo de mensagens para empresas

Bruno Gall De Blasi
Por

WhatsApp começou a liberar o Premium, seu plano pago, às empresas. Disponível apenas no Business, a nova modalidade deu as caras na versão beta do aplicativo de mensagens com a opção para conectar a conta em até dez dispositivos e outros benefícios. As informações foram reveladas pelo WABetaInfo nesta quinta-feira (6).

WhatsApp Business (Imagem: Gabrielle Lancellotti/Unsplash)
WhatsApp Business (Imagem: Gabrielle Lancellotti/Unsplash)

A atualização começou a ser liberada no WhatsApp Business Beta. O site aponta que alguns usuários do aplicativo para Android e para iPhone (iOS) já receberam a opção para fazer a assinatura. Ou seja, se você ainda não tem acesso ao Premium, será preciso esperar um pouco até a liberação da novidade ao seu celular.

A assinatura é realizada pelo próprio aplicativo. Para ter acesso ao recurso, o mensageiro emite uma notificação para informar os benefícios do pacote Premium. Mas o site não revelou o valor da assinatura, que permanece sob um mistério.

“Crie um link com aparência profissional para novos clientes conversarem com você no WhatsApp”, diz a notificação. “Obtenha-o como parte de uma assinatura premium que também permite adicionar até 10 dispositivos adicionais à sua conta.”

Afinal, vale a pena assinar o WhatsApp Premium?

Para começo de conversa, o plano pago é exclusivo do WhatsApp Business, diferentemente do Telegram Premium. Isto significa que, se você usa a edição convencional do mensageiro, o Premium não estará disponível no seu celular. Para isto, será necessário migrar para a solução para empresas do aplicativo de mensagens da Meta.

A modalidade foi apresentada em maio. Na época, a dona do mensageiro ressaltou que os usuários poderão conectar a conta em até dez dispositivos, em vez de apenas quatro. Outra vantagem fica pela possibilidade criar links personalizados, como “wa.me/minha-empresa”, para facilitar a divulgação do contato.

A Meta ainda divulgou uma API própria. A solução visa auxiliar desenvolvedores na hora de criar soluções de atendimento. A empresa ainda pretende oferecer uma nuvem gratuita e pública para ajudar as empresas a poupar com o gasto de servidores para hospedar as suas plataformas.

Relacionados

Relacionados