Microsoft apresenta Surface Pro 9 com conectividade 5G e variante com chip ARM

Dispositivo já está em pré-venda nos Estados Unidos e deve ser lançado oficialmente em 25/10; preços partem de US$ 1.000 e podem chegar até US$ 2.600

Yan Avelino
Por

Nesta quarta-feira (12), a Microsoft anunciou a nova geração do seu dispositivo 2-em-1, o Surface Pro 9. Apresentado como “o melhor dos dois mundos” para quem quer um tablet e, ao mesmo tempo, um notebook, o aparelho chega com melhorias pontuais quando comparado ao Surface Pro 8, como: duas opções de chipset, conectividade 5G e novas cores.

Novo Surface Pro 9
(Imagem: Divulgação/Microsoft)

Na parte de fora, o novo Surface Pro 9 conta com um corpo feito em alumínio anodizado e chega em quatro cores: Platina (Platinum), Safira (Sapphire), Floresta (Forest) e Grafite (Graphite).

Já na parte interna, o dispositivo tem uma tela PixelSense de 13 polegadas com taxa de atualização de até 120 Hz. Há também uma câmera HD para oferecer a melhor experiência durante chamadas de vídeo. De acordo com a Microsoft, os alto-falantes Omnisonic e microfones direcionais também estão melhores.

Novos Surface Pro 9 em todas as cores
(Imagem: Divulgação/Microsoft)

Surface Pro 9 conta com duas opções de processadores

O Surface Pro 9 pode ser personalizado com o chipset da preferência do usuário. É possível escolher entre processadores Intel Core de 12ª geração ou o SQ 3, próprio da Microsoft, construído com tecnologia Snapdragon que é compatível com 5G.

Em ambos os casos, segundo a gigante de Redmond, será possível obter um desempenho melhor e uma bateria com duração de um dia inteiro. Para a empresa, a escolha se resumirá às necessidades de cada um — quer seja apenas diversão ou trabalho, por exemplo.

Os processadores Intel Core de 12ª geração focam na potência e no desempenho. A Microsoft diz que ele oferece um desempenho até 50% maior do que o Surface Pro 8, bem como transferência de dados mais rápida, conexão a mais de um monitor 4K e suporte a uma configuração de eGPU.

Já o chip ARM da Microsoft, o SQ 3, oferece conectividade 5G e bateria de até 19 horas. Além disso, ele oferece novos recursos de IA, frutos de uma nova Unidade de Processamento Neural (NPU). De acordo com a empresa, ela é capaz de realizar mais de 15 trilhões de cálculos por segundo.

YouTube video

Preço e disponibilidade

O Surface Pro 9 mais barato possui um chip Intel Core i5 de 12ª geração e custa US$ 1.000. Ele é equipado com 8 GB de RAM e 128 GB de armazenamento. Já o mais caro tem um chip Intel Core i7 de 12ª geração, 32 GB de RAM e 1 TB armazenamento e sai por US$ 2.600.

Quanto ao modelo com chip ARM e conectividade 5G, prepare o bolso: o dispositivo mais simples custa US$ 1.300 e tem 8 GB de memória RAM e 128 GB de armazenamento. Sua versão mais cara sai por US$ 1.900 e tem 16 GB de RAM e 512 GB de armazenamento.

Vale ressaltar que o Surface Pro Keyboard e a Slim Pen 2 são vendidos separadamente. O teclado compatível com o dispositivo custa a partir de US$ 140, ao passo que a caneta custa US$ 130. Portanto, se você realmente quiser produzir ao máximo com o Surface Pro 9, terá que levar em consideração os valores de cada um dos apetrechos.

Todos eles já estão disponíveis para a pré-venda nos Estados Unidos e estarão disponíveis a partir de 25 de outubro. Como de praxe, não há informações se a Microsoft disponibilizará os novos Surface Pro 9 oficialmente no Brasil — embora saibamos que essa seja uma possibilidade remota.

Relacionados

Relacionados