Xiaomi 13 Pro pode ter três câmeras de 50 MP para concorrer com o iPhone 14

Sucessor do Xiaomi 12 Pro tem ficha técnica antecipada; Xiaomi 13 Pro deve chegar às lojas com câmera tripla de 50 MP e recarga rápida

Bruno Gall De Blasi
Por

A próxima geração de celulares premium da Xiaomi tende a ser lançada em breve. Enquanto o lançamento não acontece, já é possível dar uma olhada nos detalhes do Xiaomi 13 Pro, que deve estrear uma câmera tripla de 50 megapixels. O smartphone ainda pode trazer outras especificações avançadas, com o futuro Qualcomm Snapdragon 8 Gen 2 e a recarga (bem) rápida de 120 watts.

Sucessor do Xiaomi 12 Pro (foto), Xiaomi 13 Pro pode ter três câmeras de 50 MP (Imagem: Reprodução)
Sucessor do Xiaomi 12 Pro (foto), Xiaomi 13 Pro pode ter três câmeras de 50 MP (Imagem: Reprodução)

Os detalhes foram revelados por Yogesh Brar em seu perfil do Twitter. Nesta segunda-feira (31), o colaborador do 91Mobiles informou que o smartphone terá um conjunto fotográfico de destaque. A começar pela câmera principal de 50 megapixels com o sensor Sony IMX989, de 1 polegada, a mesma do Xiaomi 12S Ultra.

A resolução será repetida no restante do agrupamento. Ou seja, a segunda câmera, com lente ultrawide, também terá 50 megapixels. O mesmo acontecerá com o componente que vai abrigar a lente teleobjetiva. Mas a câmera frontal terá 32 megapixels – o que, para selfies, já está de bom tamanho.

Câmera do iPhone 14 Pro
Câmera do iPhone 14 Pro (Imagem: Reprodução / Apple)

Concorrentes não igualam a resolução de câmeras

Esta configuração traz uma vantagem sobre os concorrentes. É o caso do Motorola Edge 30 Ultra que, apesar da câmera principal de 200 megapixels, têm câmeras ultrawide e teleobjetiva com 50 MP e 12 MP, respectivamente. O iPhone 14 Pro, por sua vez, só tem 48 MP na câmera principal, enquanto as demais seguem com 12 MP.

Galaxy S22 Ultra segue na mesma linha. Ao todo, o celular tem quatro câmeras, sendo a principal de 108 MP. Mas as demais têm 12 MP para o componente com lente ultrawide e 10 MP para as câmeras com lente teleobjetiva, sendo uma com zoom óptico de 3x e outra de 10x.

Xiaomi 13 deve seguir os passos do Xiaomi 12 e trazer ficha técnica avançada (Imagem: Reprodução)
Xiaomi 13 deve seguir os passos do Xiaomi 12 e trazer ficha técnica avançada (Imagem: Reprodução)

Xiaomi 13 Pro deve trazer ficha técnica avançada

O lançamento ainda tende a trazer outras vantagens além da câmera. É o caso da tela de 6,7 polegadas com resolução 2K e tecnologia LTPO. Assim, espera-se que o painel seja possível ajustar dinamicamente a taxa de atualização de 1 Hz até 120 Hz ou mais, o que pode ajudar a economizar a bateria no uso diário.

A ficha técnica é outro chamariz. Como era de se esperar, o smartphone deve trazer o Snapdragon 8 Gen 2, além de opções com 8 GB ou 12 GB de memória RAM e armazenamento de 128 GB, 256 GB ou 512 GB. A bateria seria de 4.800 mAh com recarga rápida de 120 watts, uma potência que já está virando um padrão entre os modelos avançados da Xiaomi.

Android 13 Tiramisu (Imagem: Guilherme Reis/Tecnoblog)
Android 13 Tiramisu (Imagem: Guilherme Reis/Tecnoblog)

Celular tende a ser lançado com Android 13

Outra vantagem tende a girar em torno do software. Brar ressaltou que o smartphone pode ser lançado com a MIUI 14 baseada no Android 13. Ou seja, o Xiaomi 13 Pro tem grandes chances de chegar às lojas com a versão mais recente do sistema operacional.

A data de lançamento que ainda é um mistério. Mas a julgar pelo Xiaomi 12, é de esperar que a linha Xiaomi 13 também seja anunciada em dezembro. 

Com informações: GizmochinaYogesh Brar (Twitter) e XDA-Developers

Relacionados

Relacionados