Raspberry Pi 5 não deve ser lançado em 2023, aponta CEO

De acordo com o CEO da Raspberry Pi, Eben Upton, 2023 será o "ano da recuperação"; Raspberry Pi 5 só deve alcançar as prateleiras em 2024

Bruno Gall De Blasi
Por

Os últimos meses não foram tão positivos para a Raspberry Pi. A organização enfrentou dificuldades para manter os estoques dos seus pequenos computadores devido à crise global de semicondutores. Em reação ao período amargo, o CEO Eben Upton informou que 2023 será o “ano da recuperação”. A fabricante, por outro lado, não tem esperança de lançar o Raspberry Pi 5 no ano que vem.

Raspberry Pi 4 Model B (Imagem: divulgação/Raspberry Pi Foundation)
Raspberry Pi 4 Model B (Imagem: divulgação/Raspberry Pi Foundation)

A declaração partiu de uma entrevista feita pelo executivo ao canal do YouTube ExplainingComputers no domingo (18).

Na conversa, Upton relembrou as dificuldades que os consumidores enfrentaram para comprar um Raspberry Pi nos últimos 18 meses devido à escassez de chips.

“Não queremos que as pessoas entrem em uma lista de espera”, afirmou. “Queremos que as pessoas acordem de manhã, queiram um Raspberry Pi e comprem um às 9h.”

Toda essa declaração determinou o foco da companhia neste momento: normalizar o estoque.

Especialmente ao considerar a complexidade do negócio, que atende tanto consumidores individuais quanto companhias que compram várias unidades do dispositivo de uma só vez.

Afinal, o céu é o limite para o dispositivo.

E é aí que entra a notícia triste para os entusiastas do pequeno computador: segundo o Upton, a empresa não deve lançar uma nova geração do dispositivo em 2023.

“Não espere um Pi 5 no próximo ano”, anunciou. O próximo ano é um ano de recuperação.”

Eben Upton, CEO da Raspberry Pi (Imagem: Jim Killock/Flickr)
Eben Upton, CEO da Raspberry Pi (Imagem: Jim Killock/Flickr)

Raspberry Pi 5 deve chegar apenas em 2024

O cofundador da Raspberry Pi ponderou a situação: “por um lado, isso meio que nos atrasou. Por outro lado, atrasou tudo. Portanto, acho que há mérito em passar um ano antes de pensarmos em introduzir qualquer coisa”, explicou.

E toda essa preocupação não é em vão. Lançamentos são importantes, mas do que adianta atualizar o portfólio se não existem meios para entregar o produto ao consumidor em tempo hábil?

Além disso, por questões de custo, há quem opte pelos modelos mais antigos do computador.

Mas isto não significa que a companhia ignorou a nova geração. Se tudo der certo, o Raspberry Pi 5 pode ser revelado até mesmo na segunda metade do ano que vem.

Mas a expectativa mais realista traz um tempo de espera maior: a depender do cenário, o lançamento só deve acontecer em 2024.

A família Raspberry Pi 4, vale lembrar, foi introduzida em 2019.

Com informações: Ars TechnicaExplainingComputers e The Verge

Relacionados

Relacionados