Apple revela segunda geração do HomePod depois de anos sem atualização

Novo HomePod traz áudio espacial e mantém o design de novelo de lã; caixa de som da Apple é compatível com Matter e possui recursos para ajustar o som automaticamente

Bruno Gall De Blasi
Por

Apple está empolgada em 2023. Depois dos novos computadores com Apple M2, a companhia revelou a segunda geração do HomePod nesta quarta-feira (23), que oferece áudio espacial, ganhou mais recursos inteligentes e é completamente integrada à Siri. O dispositivo ainda é compatível com o Matter, mas manteve o mesmo visual do modelo anterior, lançado há seis anos.

Apple apresenta HomePod de segunda geração (Imagem: Divulgação/Apple)
Apple apresenta HomePod de segunda geração (Imagem: Divulgação/Apple)

Este é o primeiro update da edição convencional da caixa de som inteligente da Apple desde 2017. Na época, o dispositivo chamou uma atenção por ser uma resposta a dispositivos inteligentes, como os produtos das linhas Echo (Amazon) e Nest (Google).

Mas, desde então, parece que a Apple havia deixado o produto parcialmente de lado, já que lançou apenas o modelo Mini em 2020.

Agora, a Apple está trazendo novidades à edição convencional. A começar pelo visual que segue a mesma estética de um novelo de lã, mas agora todo esse material é feito com um tecido de malha 100% reciclado.

O dispositivo ainda traz um cabo de energia trançado na mesma cor do gadget.

A parte superior sensível ao toque continua. Através dela, você pode controlar o volume e outras funções do dispositivo.

Por sinal, a Apple manteve o recurso para transferir a reprodução de conteúdo do iPhone para a caixa de som ao encostar o celular no HomePod.

HomePod de segunda (Imagem: Divulgação/Apple)
HomePod de segunda (Imagem: Divulgação/Apple)

Atualização traz áudio espacial e som ajustável

Usuários do Apple Music também poderão aproveitar todos os recursos da plataforma de streaming, incluindo o áudio espacial que oferece uma experiência imersiva.

Mas este não é o único diferencial em termos de áudio. Segundo a Apple, o lançamento possui “graves ricos e profundos e altas frequências impressionantes”.

Tudo isso é proporcionado pelo woofer de alta excursão de 4 polegadas e o conjunto de cinco tweeters com corneta, cada um com o seu próprio ímã de neodímio.

O HomePod de segunda geração ainda oferece um microfone interno de calibração de baixa frequência para correção automática de graves. Além disso, o chip S7 alia o software e o hardware para garantir a melhor qualidade de som possível.

Para completar, o dispositivo detecta o ambiente para reconhecer reflexos de som de superfícies próximas. Assim, o HomePod é capaz de determinar se está contra uma parede ou independente e, em seguida, adapta o som em tempo real.

HomePod detecta ambiente para melhorar a qualidade do som (Imagem: Divulgação/Apple)
HomePod detecta ambiente para melhorar a qualidade do som (Imagem: Divulgação/Apple)

HomePod é integrado aos produtos da Apple

Além da Siri, que oferece inúmeras funções à caixa de som inteligente, o HomePod de segunda geração faz parte do ecossistema da Apple.

Isto significa que você pode utilizá-lo em conjunto com outros produtos da marca, como é o caso da transferência de reprodução de músicas do iPhone para a caixa de som.

Se você tem outras caixas de som da Apple em casa, é possível conectá-las para ouvir a mesma música em cômodos diferentes da casa. Você também pode colocar duas unidades do dispositivo lado a lado para criar um par estéreo.

Donos do Apple TV 4K também podem aproveitar a versatilidade do dispositivo. Afinal, a caixa de som pode ser emparelhada ao dispositivo para oferecer um áudio melhor e mais imersivo ao assistir filmes e séries pela televisão.

O lançamento também é compatível com o Matter para se conectar a outros dispositivos de casa conectada.

HomePod de segunda (Imagem: Divulgação/Apple)
HomePod de segunda (Imagem: Divulgação/Apple)

Caixa de som detecta alertas de fumaça

Outra função inteligente se concentra no reconhecimento de sons. A Apple explica que o HomePod de segunda geração é capaz de detectar alarme de fumaça ou monóxido de carbono para enviar uma notificação ao celular do usuário.

Também há novos sensores de umidade e temperatura para mensurar ambientes internos. Assim, é possível criar cenários para acionar o ventilador ou ligar o ar condicionado automaticamente quando está muito quente, por exemplo.

Um recurso que eu, como carioca e calorento, usaria bastante.

A Siri é outra cereja do bolo. Além de oferecer os comandos já conhecidos por usuários de iPhone, também é possível programar ações, como na Alexa da Echo Dot.

Assim, ao apenas dizer “Bom dia”, a assistente virtual pode acionar uma sequência de comandos definidos pelos usuários.

“O HomePod também pode reconhecer até seis vozes, para que cada membro da casa possa ouvir suas listas de reprodução pessoais, solicitar lembretes e definir eventos de calendário”, anunciaram.

E, claro, a Apple garante que os dados do HomePod são criptografados de ponta a ponta.

Preço e disponibilidade

O HomePod de segunda geração já está em pré-venda nos Estados Unidos e chegará aos consumidores em 3 de fevereiro de 2023.

Por lá, a caixa de som custa US$ 299 (cerca de R$ 1.520 em conversão direta).

Não há previsão de lançamento do produto no Brasil.

Ontem, a Apple também apresentou os novos MacBook Pro e Mac Mini com Apple M2.

Relacionados

Relacionados