AliExpress e Magazine Luiza fecham parceria para uma vender produtos da outra

Magazine Luiza venderá itens de estoque próprio no AliExpress; já companhia chinesa comercializará produtos da linha Choice no Magalu

Emerson Alecrim
Por
• Atualizado há 1 mês
AliExpress
AliExpress (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

O Magazine Luiza (Magalu) iniciou a semana anunciando uma parceria com o AliExpress para venda cruzada de produtos. Isso significa que uma companhia comercializará determinados produtos na plataforma da outra.

No marketplace do Magalu, o AliExpress comercializará itens com selo Choice. Esses produtos são selecionados e têm todo o controle de venda feito pela própria plataforma, indo do estoque até a entrega. Essa abordagem permite entregas mais rápidas e tende a melhorar a relação custo-benefício do item.

Por sua vez, o Magalu comercializará no AliExpress produtos 1P, isto é, que fazem parte do estoque próprio da companhia. “Serão vendidos, inicialmente, itens das categorias de bens duráveis”, explica a companhia em nota.

Uma parceria inesperada

Um acordo com essa magnitude surpreende, afinal, o Magalu estava entre os varejistas brasileiros que se queixavam da atuação de plataformas de comércio eletrônico asiáticas no Brasil.

Sobre essas companhias, Luiza Trajano, chairman do Magazine Luiza, chegou a dizer que “não pagar imposto é o negócio da China”, relembra o Neofeed.

É possível que, com essa união de forças, as duas plataformas visem ter mais capacidade de enfrentar outros concorrentes de peso no Brasil, como Amazon, Mercado Livre e Shopee.

Em nota, o Magalu afirma que “a parceria potencializa duas das maiores audiências do e-commerce brasileiro, com mais de 700 milhões de visitas mensais nas duas empresas”. A companhia complementa:

Um acordo desse tipo é inédito para ambas as empresas. É a primeira vez que o Alibaba, por meio do Aliexpress – uma das maiores empresas de e-commerce do mundo – faz um acordo estratégico com uma empresa fora da China. Para o Magalu, é a primeira vez que seus produtos serão listados e vendidos por meio de outra plataforma de marketplace.

Magazine Luiza no computador (Imagem: Divulgação)
Site do Magazine Luiza (Imagem: Divulgação)

Vendas começam no terceiro trimestre

A previsão é a de que as vendas mútuas entre Magalu e AliExpress comecem já no terceiro trimestre de 2024.

Pelo menos na fase inicial, o acordo valerá somente para o intercâmbio de produtos entre os dois marketplaces. Cada companhia continuará responsável pela logística de seus produtos.

Apesar de a parceria ter sido anunciada nesta segunda-feira (24), as negociações entre as duas organizações para este acordo tiveram início no final de 2023.

Relacionados