TB Responde Aplicativos e Software

Como proteger o Outlook com biometria no iPhone

Saiba como proteger o Outlook com biometria no iPhone para evitar que outras pessoas tenham acesso a seus e-mails e informações

Wagner Pedro
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

O Outlook entrega um recurso de segurança importante. No iPhone (iOS), a plataforma de e-mails da Microsoft permite que os usuários protejam sua conta usando a biometria do Face ID/Touch ID, evitando que terceiros visualizem qualquer tipo de informação na caixa de entrada. Abaixo, vou te mostrar como ativar essa função.

Outlook (Imagem: Ed Hardie/Unsplash)
Outlook (Imagem: Ed Hardie/Unsplash)

Time needed: 1 minute.

O Outlook permite vincular contas de outras plataformas de e-mail, como Gmail e iCloud, por exemplo. Assim, você pode conectá-las em um só lugar para manter suas informações protegidas com o recurso de biometria. Dito isso, siga as instruções abaixo para saber como realizar o procedimento:

  1. Entre nas configurações:

    Abra o aplicativo e toque no ícone de engrenagem para exibir as opções;

  2. Ative a biometria:

    Desça a página até a seção “Preferências”. Feito isso, toque na chavinha ao lado de “Exigir Face ID/Touch ID” para ativar o recurso;

  3. Confirme a ativação:

    Feche o aplicativo e abra-o novamente para confirmar a ativação do recurso de biometria — se tudo estiver certo, o sistema vai solicitar a digital ou leitura do rosto.

Por que ativar a biometria?

A biometria é um recurso de segurança importante, tanto em aplicativos de bancos quanto em serviços de e-mail. Em plataformas como o Outlook, por exemplo, que pode reunir várias contas em um único lugar para facilitar a usabilidade, ativar essa função é essencial para garantir que os e-mails não serão acessados por criminosos ou pessoas não autorizadas.

Em maio de 2022, noticiamos que o PicPay e Mercado Pago poderiam ser invadidos em celulares desbloqueados com Gmail — até o Nubank tinha uma falha de segurança que facilitava roubos usando a mesma plataforma do Google. Em ambos os casos, as invasões ocorreram porque o serviço não oferece uma forma de restrição de acesso.

Para evitar esse e outros tipos de problemas, aconselho a ativação da biometria em todas as plataformas que disponibilizam essa função, principalmente em apps de bancos e carteiras digitais. Afinal, segurança nunca é demais.

Esse conteúdo foi útil?

Wagner Pedro

Autor

Wagner Pedro é um paraibano “arretado” apaixonado por smartphones e cobre tecnologia desde 2017. Autodidata desde a época dos PCs de tubo, internet discada e Windows XP, buscou conhecimento em pequenos cursos de Informática e uniu essa paixão ao jornalismo. Ainda sente falta do extinto Windows Phone.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque