O que é last mile em e-commerces?

Saiba mais sobre o que é last mile, um ponto que exige grande atenção por parte da loja virtual para garantir qualidade para o consumidor

Ricardo Syozi
Por

Se dividindo entre preço e velocidade, a parte direcionada à entrega final ao consumidor é uma das mais importantes para uma empresa de e-commerce. É necessário ter uma logística competente e cuidadosa, pois esse detalhe pode alavancar ou derrubar uma loja virtual. Saiba mais sobre o que é last mile e suas principais características.

O que é last mile?
Este termo é usado em lojas virtuais para definir quando os produtos saem dos locais de distribuição e são enviados diretamente para o destino, ou seja, para as mãos do cliente.
Definição de Last Mile (Imagem: Tecnoblog)

Quando um consumidor decide realizar uma compra em sua loja virtual favorita, para ele há apenas três etapas importantes:

  1. Escolher o item;
  2. Pagar o item;
  3. Esperar o item chegar em sua casa.

Já para a empresa de e-commerce, há mais fatores em jogo, um deles é de enorme relevância para que tudo dê certo: o last mile.

Toda a logística usada na separação do produto, sua saída do centro de distribuição e a chegada em seu objetivo fazem parte dessa nomenclatura. Por ser a última etapa da negociação entre cliente e loja, ela traz consigo uma responsabilidade para que tudo ocorra da melhor forma possível.

O pacote precisa chegar na melhor qualidade possível, sem amassos ou qualquer tipo de defeito. Entregar o item errado, então, é algo que não pode nem passar pela cabeça dos envolvidos, pois pode oferecer uma dor de cabeça que nenhuma das partes gostaria de lidar.

Last Mile
Centro de distribuição do Mercado Livre em Cajamar (Imagem: Divulgação)

Os desafios do last mile

Já que essa terminologia é usada para definir a etapa entre o sair do centro de distribuição e a chegada em seu objetivo, é comum pensar nos dois principais desafios que a loja virtual tem para com o cliente: preço e velocidade na entrega.

Muitos consumidores acabam optando por um produto de outra loja quando se deparam com o frete mais caro do que acreditam ser o ideal. Esse fator surge cada vez com maior frequência, já que a quantidade de e-commerces aumenta periodicamente. Oferecendo mais opções para o usuário.

No quesito velocidade, imagine ter que esperar por semanas para que aquele item que comprou chegue em sua residência. Esse tempo é um fator que exige que as companhias trabalhem suas logísticas para garantir que o last mile seja útil e satisfatório para ambos os lados.

Com tudo isso em mente, é de compreender que essa etapa é bastante crítica, pois se algo der errado, situações como reclamações e trocas podem transcorrer. Aumentando gastos e realizando novas etapas para sanar as questões.

No fim das contas, cabe as empresas definirem a melhor forma de entregar com segurança e qualidade os produtos para seus consumidores. A Magalu, por exemplo, adquiriu em 2020 uma plataforma de logística para impulsionar seus trabalhos na etapa de last mile. Sendo assim, seus esforços para oferecer qualidade foram direcionados para esse tipo de investimento.

Você já teve alguma situação fora do padrão com entregas de seus produtos por lojas virtuais? Será que teve algo a ver com essa parte tão importante? Deixe seu relato pra gente!

Com informações: Shiprocket.

Ricardo Syozi

Repórter

Ricardo Syozi é jornalista apaixonado por tecnologia e especializado em games atuais e retrôs. Já escreveu para veículos como Nintendo World, WarpZone, MSN Jogos, Editora Europa e VGDB. Possui ampla experiência na cobertura de eventos, entrevistas, análises e produção de conteúdos no geral. Entrou para o Tecnoblog em 2021.

Relacionados

Relacionados