TB Responde Aplicativos e Software

O que são os formatos BMP, JPG, GIF, PNG, TIFF, EPS e SVG?

Desfazendo os nós. Formatos de arquivos BMP, JPG, GIF, PNG, TIFF, EPS e SVG: o que significam, onde vivem e por que usá-los

Tatiana Vieira
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

A fim de evitar problemas, especialmente em caso de impressão, é recomendado não importar arquivos em diferentes formatos. Mas como fazer isso sem saber o que são os formatos BMP, JPG, GIF, PNG, TIFF, EPS e SVG? Acompanhe esse artigo com os formatos mais utilizados por profissionais e amantes de imagens.

O que são os formatos BMP, JPG, GIF, PNG, TIFF, EPS e SVG
Formatos de arquivos BMP, JPG, GIF, PNG, TIFF, EPS e SVG (Imagem: Tatiana Vieira/ Tecnoblog)

BMP [Windows Bitmap]

O formato é basicamente um arquivo que descreve quantos pixels a imagem tem e qual é a cor de cada pixel.

Para fazer isso, o arquivo inclui, para cada pixel da imagem, três valores: um para luz vermelha; um para luz verde; um para luz azul. Cada um desses valores pode ser de 0 até 255; um pixel no qual os três valores são 0 será o preto, e um no qual os três seja 255 será o branco. Alterando esses valores, é possível que cada pixel tenha de um a 16.777.216 cores distintas.

Os valores de cada luz variam de 0 a 255 porque cada um deles têm 8 bites (ou um byte). Ou seja, cada pixel de uma imagem BMP tem três bytes.

VantagensDesvantagens
  • Por ser um formato que praticamente descreve a imagem para o computador, tem ampla compatibilidade;
  • Praticamente qualquer sistema consegue reproduzir uma imagem BMP.
  • Peso elevado, mesmo se a imagem for extremamente simples, como uma forma na cor branca, o arquivo será enorme.

JPG [Joint Photographics Experts Group]

Diferente do formato BMP, ele divide a imagem em blocos de 8 por oito pixels e compara cada um a um dos 64 padrões existentes. Em seguida, determina qual o “peso” de cada um desses padrões em cada bloco.

VantagensDesvantagens
  • Tamanho reduzido;
  • Mais amigável e facilmente aberto em qualquer programa.
  • Ao para garantir um tamanho reduzido de arquivo, reduz também sua resolução.;
  • A cada compressão do arquivo, o sistema elimina alguns pixels, sendo um processo irreversível e não serão recuperados caso tente melhorar a qualidade da imagem;
  • O formato não permite criar transparências na imagem.

GIF [Graphics Interchange Format]

Surgiu antes do PNG, com a intenção de suprir a deficiência da compressão JPG para arquivos gráficos.

É o arquivo que todo mundo conhece na internet por seus vídeos leves e repetitivos, antes mesmo da era pós-banda larga de internet. Porém, animação é apenas uma das características dos GIFs.

VantagensDesvantagens
  • É o melhor formato para imagens em movimento;
  • Algoritmo LZW, permitindo o download das imagens em aparelhos antigos ou conexões lentas.
  • O formato guarda as imagens em resolução máxima de 256 cores, 8 bits, o que limita variação de tonalidade para imagens complexas;
  • Só tem suporte para um máximo de 256 cores suficiente para gráficos, mas insuficiente para vídeos e fotografias;
  • Podem  apresentar cores pouco fiéis e imagem granulada.

PNG [Portable Networks Graphics]

Criado para facilitar a troca de imagens pela internet, assim como o JPG, esse formato usa compressão para reduzir o peso de arquivos. O formato reúne características do JPG e do GIF, porém com opções mais avançadas.

VantagensDesvantagens
  • Não perde pixels em caso de compressão da imagem;
  • Ao ampliar uma imagem, ela recupera sua qualidade original;
  • Tem menor risco de granulado em superfícies extensas de cor;
  • Permite imagens em movimento com alta resolução;
  • Imagens mais leves do que em BMP;
  • Permite transparência.
  • Imagens mais pesadas do que em formato JPG.

TIFF [Tagged Image Format]

É usado extensamente em aplicações de manipulações de imagens tais como Photoshop, DTP e scanners.

VantagensDesvantagens
  • Formato padrão de arquivos 32-bits com elevada definição de cores;
  • Há a opção do arquivo ter mais de uma página dentro de um único arquivo;
  • Formato ideal para impressão em alta resolução – especialmente para trabalhar com Indesign;
  • Possibilidade de fazer alterações na imagem, inclusive de formato, sem comprometer a qualidade.
  • Não é um padrão de imagem de fácil compartilhamento;
  • Não abre em qualquer programa.

EPS [Encapsulated PostScript]

Também é um formato digital para imagens. Pode ser usado para armazenar gráficos. Formato utilizado principalmente quando há recortes ou traçados, além de seu uso para imagens vetoriais e bitmap.

VantagensDesvantagens
  • Caso esteja trabalhando, com dois softwares gráficos ao mesmo tempo, sem perda de tempo ou qualidade;
  • Não possui representação direta de pixels. Pode ser arquivo raster e vetorial.
  • Não pode ser lido por programas de manipulação de imagens, e sim por programas de editoração;
  • Não é capaz de armazenar imagens fotográficas, posto que elas devem ser representadas como bitmaps.

SVG [Scalable Vector Graphics]

É um arquivo vetorial criado especialmente para a web. Funciona tanto com imagens estáticas, quanto com animações em 2D.

VantagensDesvantagens
  • Sendo um arquivo vetorial, não perde em qualidade quando ampliado;
  • Manipulação da cor de fundo e bordas com CSS, por exemplo.
  • Não pode contar com o cache do navegador, já que o elemento será adicionado diretamente ao documento;
  • Não é aceito em redes sociais.

Com informações: Adobe e Wikipedia.

Esse conteúdo foi útil?

Tatiana Vieira

Ex-redatora

Tatiana Vieira é formada em design gráfico e pós-graduada em artes visuais. Integrou a equipe de redatores do Tecnoblog entre maio de 2020 e março de 2021 escrevendo sobre Apple, softwares de edição, redes sociais e fotografia. Também conhecida como Etérea, é professora de yoga, viaja o mundo em busca de mais conhecimento e se autodenomina uma "cientista natural".