Bolsa de Hong Kong

Xiaomi teve prejuízo de mais de US$ 1 bilhão no primeiro trimestre

11/06 às 17h20 por

A Xiaomi quer estrear na bolsa de valores de Hong Kong e, para isso, precisa disponibilizar a reguladores documentos que dão detalhes sobre as suas operações. Um deles revelou uma informação que vai ligar o desconfiômetro de possíveis investidores: no primeiro trimestre do ano, a companhia registrou prejuízo equivalente a US$ 1,1 bilhão. Não é uma notícia que surpreende. No começo de maio, quando a Xiaomi confirmou a intenção de ser listada na bolsa, a empresa divulgou um relató