Kindle

Sobre

Kindle é um leitor de e-books criado pela Amazon. Foi lançado em novembro de 2007, com preço inicial de US$ 399 e sistema operacional Linux. A primeira versão possuía processador de 532 MHz, 250 MB de memória interna, tela de 6” e uma bateria capaz de manter o dispositivo funcionando durante 30 dias, sem necessidade de recarga. Popularizou a tecnologia e-ink, que exibe textos sem emitir luz, aumentando o conforto visual. Em 2011 a Amazon anunciou novas versões do Kindle, a partir de US$ 79, uma edição com tela sensível ao toque e um tablet Android, chamado de Kindle Fire.

Google Editions: empresa vai lançar loja de livros

04/05/2010 às 17h46 por

A história vem desde outubro, mas agora faltam poucos meses para que o Google comece a enfrentar a Apple em mais um campo de batalha. Está previsto para junho, no máximo julho, o lançamento do Google Editions, um serviço de venda de livros em formato digital que muito lembra a iBookstore por trás do iPad. A informação foi dada pela gerente de desenvolvimento de parceiros estratégicos da companhia, Chris Palma, durante uma conferência voltada para o mercado ed

O iPad já é um sucesso

05/04/2010 às 07h17 por

Quando Steve Jobs anunciou seu tão aguardado tablet, o iPad, foi aquela choradeira entre os tecnotarados. "Não tem câmera" "não tem multitarefa" etc. "Será um fiasco", concluíram. A má notícia para eles é que o iPad já é um sucesso. Os mais entusiasmados não enxergam isso por um simples motivo: o tablet não foi feito para eles. Logo após o anúncio, publiquei em meu blog uma opinião diferente sobre o iPad. Repercutiu bastante: os leitores expuseram sua opinião concordand

Livraria Cultura iniciará venda de e-books em uma semana

23/03/2010 às 18h22 por

A partir do dia 30 de março, a Livraria Cultura passará a vender e-books pelo site da empresa. Mais de 120 mil títulos estrangeiros e 500 títulos nacionais serão oferecidos no acervo inicial. Os arquivos serão comercializados nos formatos PDF e ePub, ambos amplamente aceitos em diversos e-readers e em programas para computadores. Segundo Mauro Widman, coordenador do departamento de eBooks da Livraria Cultura, “[o formato ePub] é mais indicado para os leitores de e-book, porque ele se rediagrama com o tamanho da letra, diferente

Apple não vai restringir apps de conteúdo no iPad, mas vai censurar títulos de livros e revistas

22/03/2010 às 15h18 por

Como você leu no Tecnoblog agora há pouco, a Amazon terá um aplicativo de leitura de livros para o iPad, o sonho de consumo de todo adorador da Apple. Curiosamente, a empresa de e-commerce alega ter sido convidada pela própria Apple para desenvolver o aplicativo, o que confirma a tese de que a Apple vai permitir que qualquer provedor de conteúdo esteja na App Store do iPad.O novo posicionamento da Apple para o iPad conflita com aquele visto na App Store para iPhone OS. Não é de hoje que a Apple

Amazon confirma Kindle para iPad

22/03/2010 às 14h45 por

Por meio de um site divulgado hoje, a Amazon confirmou que está produzindo um aplicativo para leitura de livros compatível com o iPad. Havia dúvidas se a Apple permitira que a concorrente na venda de e-books estaria presente no novo dispositivo que tem distribuição prevista para 3 de abril. "Tablets, como o iPad a caminho e com o nosso aplicativo gratuito você vai poder ler mais de 450 mil livros do Kindle". É assim que a empresa de Jeff Bezos fala das Kindle Apps, versões

Amazon planejando novo browser para Kindle?

10/03/2010 às 08h04 por

Ao lançar o Kindle, a Amazon incluiu no gadget um navegador web. Poucos usuários do aparelho sabem disso, já que ele está escondido na sessão 'Experimental' do menu. Quem o descobriu sabe que a experiência de navegação é idêntica à dos celulares em 1998 no Brasil: vários links, páginas enormes e raras imagens. Mas isso poderá mudar nas próximas versões do Kindle.

Microsoft e Amazon fazem acordo com patentes

23/02/2010 às 16h38 por

A Microsoftt anunciou hoje que fez um acordo com a Amazon para licenciamento de patentes. De acordo com o comunicado feito à imprensa, a empresa de Jeff Bezos que atualmente é o maior site de e-commerce do mundo terá que pagar um valor não revelado pelo uso de Linux em servidores. Em contrapartida, a Microsoft conseguiu acesso a tecnologias ligadas ao Kindle (de código aberto e proprietárias), o leitor de e-books desenvolvido e vendido pela Amazon. Não é a primeira vez a MS negocia acordos graças ao Linux

Magnata das comunicações Rupert Murdoch se alia à Apple e critica a Amazon

04/02/2010 às 18h59 por

Como já era de se imaginar, a aceitação da exigência da Macmillian de aumentar os preços de seus livros na Kindle Store abre um precedente para que outras editoras exijam o mesmo. Rupert Murdoch, o fundador, presidente e CEO da News Corp (o segundo maior conglomerado de mídia dos EUA, atrás apenas da The Walt Disney Company) também quer um acordo similar. Murdoch diz que não gosta do modelo da Amazon de vend

iPad terá loja própria de e-books

27/01/2010 às 20h15 por

Parte importante do lançamento do iPad hoje foi a sua faceta e-book reader. A Apple chamou os livros de iBooks (criativo, não?) e fundou uma nova loja para vendê-los, a iBook Store. Através da iBook Store, proprietários do iPad poderão comprar e baixar livros direto do iPad, numa experiência similar à da iTunes Store e da App Store (que

Carregar mais posts

Faça seu login no Tecnoblog

Crie a sua conta

Esqueci minha senha