músicas

Artigos de músicas

Como funciona um fone com cancelamento de ruído

às 16h22 por

Fones com cancelamento de ruído nasceram para “salvar” algumas pessoas que vivem em ambientes barulhentos, trabalham com edição de áudio e vídeo ou, simplesmente, que buscam relaxar mais ao ouvir música no dia a dia. Os tipos mais populares de headphones, neste segmento, trazem isolamentos ativo ou passivo. Além da estrutura, eles também se diferenciam pelo preço. Mas será que usar esse acessório é tão bom assim e totalmente seguro? Entenda, a seguir. Sony WH-1000XM

Preparem-se: o Spotify chega muito em breve ao Brasil

às 12h26 por

Nós já sabíamos que o Spotify estava chegando ao Brasil: após traduzir seus aplicativos para o português brasileiro e abrir vagas de emprego para um novo escritório no Brasil, não era muito difícil deduzir isso. Agora a coisa ficou séria: estamos muito, muito perto do lançamento oficial do Spotify. Fontes do Tecnoblog haviam informado sobre o lançamento no mês de outubro, mas as informaç

Brasil: o quinto país que mais baixa música por torrent

às 10h30 por

Uma empresa de pesquisas no mercado de músicas (que se chama convenientemente de Musicmetric) liberou hoje o Digital Music Index, um relatório sobre a distribuição de música por meios digitais. A empresa monitora não só serviços totalmente legais, como o iTunes e Spotify, como também tenta contabilizar o número de downloads via torrent. E nesse ranking onde a maioria de downloads deve ser pouco legítimo, o Brasil está em quinto colocado.

Estudo aponta que BitTorrent aumenta vendas de músicas

às 13h49 por

Não, o título não está errado. De acordo com uma pesquisa realizada por um economista da Universidade do Estado da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, a pirataria realizada por BitTorrent na verdade colabora com as vendas de músicas legítimas, ao contrário do que diz o senso comum e a indústria fonográfica. O estudo contraria praticamente todas as análises realizadas sobre o assunto. E como explicar isso? De acordo com Robert Hammond, professor assistente da universidade e autor do projeto, as outras pesquisas não tiveram acesso a dados tão p

"Talvez downloads [ilegais] sejam bons", diz Coppola

às 11h34 por

O diretor de cinema responsável por clássicos como Apocalipse Now e O Poderoso Chefão, Francis Ford Coppola afirmou em recente entrevista ao site The 99 Percent que talvez os navegantes que baixam filmes e músicas livremente pela web talvez estejam certos. Para o diretor, um artista não deve esperar ficar rico apenas com sua arte. "Precisamos ser claros com relação a este assunto. Há apenas pouco

Americana é condenada a pagar US$ 1,5 milhão por baixar músicas ilegalmente

às 18h30 por

Quem acompanha o processo da americana Jammie Thomas-Rasset sabe que não é de hoje que a moça está na justiça. Para quem chegou agora na internet, eis aqui uma recapitulação ao melhor estilo "Previously, on LOST...": o processo contra Jammie foi aberto em 2006 pela RIAA (associação que protege os direitos dos artistas nos EUA) por ela ter baixado e compartilhado 24 músicas na rede Kazaa sem permissão. Esse foi o primeiro processo aberto nos EUA envolvendo uma infração de direitos autorais e por isso é

YouTube quer que usuários descubram mais músicas

às 14h01 por

A popularidade de serviços como o Last.fm, especializados em recomendações de músicas, aparentemente inspirou o YouTube a refazer sua página de clipes musicais. O YouTube.com/Music agora conta com várias sessões diferentes, incluindo os clipes mais vistos, playlists criadas por outras pessoas, músicos desconhecidos e até uma sessão com músicas que estão se tornando virais. Tudo para tornar o descobrimento de novos sons uma tarefa mais fácil. O único inconveniente é o aviso 'esse clipe contém conteúdo de [insira estúdio aqui]' que aparece

Gravadoras lançam Vevo, site com músicas e vídeos

às 15h41 por

Depois de arrumar muita confusão com a web, as grandes gravadoras parecem estar caindo na real e lançam nesta terça-feira o Vevo, site de propriedade das gravadoras Sony, Universal, EMI e Abu Dhabi Media (quem?) que permitirá que o navegante assista a clipes e ouça músicas, como informa o New York Times. Ironicamente hospedado pelo Google usando a tecnologia do Youtube – que de uns tempos pra cá vem até emudecendo trilhas sonor