Nest

Artigos de Nest

Google deve embutir radar de gestos em termostato Nest mais barato

às 16h23 por

O Google anunciou há alguns dias dispositivos como o Pixel 5 e o novo Chromecast, mas parece ainda ter lançamentos para 2020. Segundo a Bloomberg, a empresa deve revelar uma nova versão do termostato Nest nas próximas semanas. O aparelho será mais barato que seus antecessores e contará com um radar para permitir o controle por gestos.

Google deve lançar termostato Nest com controle por radar Soli

às 17h42 por

Uma homologação recente na FCC, a "Anatel" dos Estados Unidos, conta alguns detalhes de um novo termostato da Nest que pode utilizar o radar Soli, que parece ser o mesmo que o Google criou para o Pixel 4. Este tipo de sensor permite o controle de aparelhos com reconhecimento de gestos feitos próximos ao gadget. Amazon Echo Dot ou Google Nest Mini: qual é melhor?

Google e Nintendo fabricam produtos fora da China após sanções dos EUA

às 12h32 por

De acordo com a imprensa americana, a Nintendo e o Google estão removendo a produção de alguns de seus produtos que são fabricados na China. O objetivo pode estar relacionado com a escalada na tensão da guerra comercial travada entre os Estados Unidos e o país asiático. China listará empresas “não-confiáveis” após disputa EUA vs. Huawei

Google se “esqueceu” de dizer que Nest Guard tem microfone

às 17h00 por

As especificações são o que faz muitos usuários escolherem ou não um dispositivo. Por isso, informá-las corretamente é fundamental às empresas. Em certos casos, porém, elas não dão todas as informações. É o caso do Google, que deixou de avisar sobre a existência de um microfone embutido no Nest Guard, parte do sistema de alarmes Nest Secure. Google libera nova interface branca do Gmail para todos no Android

Dispositivos da Nest ficam offline e forçam uso de meios tradicionais para abrir a porta

às 10h39 por

Os produtos inteligentes da Nest foram criados para simplificar a vida das pessoas, mas também são sujeitos a falhas. Nesta quarta-feira (16), usuários não conseguiram acessar os aparelhos por meio dos aplicativos da empresa durante cerca de três horas. A falha aconteceu com toda a linha de produtos da Nest, incluindo termostatos, fechaduras, alarmes, câmeras, campainhas e detectores de fumaça. Nas redes sociais, o problema foi relatado por usuários dos Estados Unidos, Canadá e Holanda.

Google vai usar a Nest para brigar com os dispositivos inteligentes da Amazon e Apple

às 11h05 por

O Google começou 2014 desembolsando US$ 3,2 bilhões pela Nest. Parecia loucura pagar tão caro por uma empresa que só tinha dois produtos: um termostato e um detector de fumaça. Mas não são dispositivos comuns. Ambos existem até hoje e se diferenciam por serem inteligentes. Agora, a tecnologia da Nest vai ajudar o Google a encarar dois rivais que também estão deixando as casas mais sof

Câmera usa reconhecimento facial do Google para proteger residências

às 16h50 por

A Nest oferece produtos conectados à internet como termostatos e câmeras de segurança; ela foi adquirida pelo Google há alguns anos. Hoje, ela anuncia a nova Cam IQ Outdoor, e seu principal destaque é o reconhecimento facial embutido. O Google tem um sistema de inteligência artificial chamado FaceNet para reconhecer e identificar pessoas em imagens. Quando a

Nest anuncia segunda versão do detector de fumaça Protect e câmera de segurança

às 20h16 por

A Nest pertence ao Google desde o início de 2014, mas continua atuando de maneira independente. A prova está nos anúncios desta quarta-feira (17): a companhia apresentou a segunda geração do detector de fumaça inteligente Nest Protect e a câmera de segurança Nest Cam. Os produtos da Nest estão intimamente ligados com o conceito de internet das coisas (assunto abordado no Tecnocast 009). O Protect não foge à regra. Anunciado em outubro de 201

As ações de uma empresa dispararam 1.900% após serem confundidas com as da Nest, comprada pelo Google

às 10h33 por

A Nestor, uma empresa que vende sistemas de automação de tráfego para governos locais dos Estados Unidos e Canadá, teve suas ações valorizadas em 1.900% em apenas um dia. Impressionante, certo? Só que toda essa alta não tem nenhuma ligação com algum contrato milionário ou as altíssimas expectativas para o mercado de automação de tráfego (?): na verdade, investidores desatentos simplesmente confundiram a empresa com a Nest, comprada pelo Google por US$ 3,2 bilhões. Conhecida por criar um termostato e um detector de fumaças inteligente, a Nes

Carregar mais posts