Poco F1

Artigos de Poco F1

Xiaomi Pocophone F1 recebe Android 10 com MIUI 11

às 10h03 por

A Xiaomi está liberando uma versão da MIUI 11 baseada no Android 10 para o Pocophone F1: mesmo usuários fora do programa beta vêm recebendo a atualização, indicando que ela chegará a todos nas próximas semanas. O celular já rodava a MIUI 11, mas tinha como base o Android 9 Pie.

Xiaomi transforma Poco, do Pocophone F1, em marca independente

às 12h23 por

A Xiaomi criou a submarca Poco em 2018 focada em celulares com boas especificações e preço acessível: isso resultou em apenas um modelo, o Pocophone F1, que é vendido até hoje. Daqui para a frente, ela vai operar em uma empresa independente com sua própria estratégia de lançamentos, e há indícios de que veremos um Pocophone F2. Xiaomi Mi A3 vai receber Android 10 em fevereiro, diz empresa

Xiaomi recruta donos do Pocophone F1 para testar Android Q

às 17h45 por

A Xiaomi vai realizar um teste beta fechado do Android Q para o Pocophone F1, e está recrutando usuários interessados em ajudar; este celular é vendido oficialmente no Brasil pela DL Eletrônicos. A fabricante também quer ajuda dos clientes para levar o Android 9 Pie ao Mi 6, Redmi 6 e Redmi 6A. Ela encerrou neste mês o programa beta público da MIUI global.

Poco F1 é o topo de linha “barato” da Xiaomi

às 11h16 por

O Poco F1 é oficial. Rumores recentes diziam que, nesta quarta-feira (22), a Xiaomi iria lançar a marca Poco como uma nova divisão de celulares de alto desempenho. Assim foi feito. O novo smartphone traz chip Snapdragon 845 e preços competitivos.

Xiaomi vai lançar marca Poco para competir com OnePlus

às 13h34 por

A Xiaomi já aparece como a quarta fabricante que mais vende smartphones no mundo, de acordo com um levantamento da IDC. Com um nome tão forte no mercado, a companhia precisa de outra marca? A Xiaomi acha que sim: ela vai lançar uma submarca chamada Poco para, ao que tudo indica, fazer frente à OnePlus e outras rivais chinesas.Os aparelhos Poco deverão disputar espaço no segmento de smartphones high-end ou, no mínimo, no de intermediários premium, e deverão custar bem menos que um