PS Move

Artigos de PS Move

O que esperar do mundo dos games em 2013

14/01/2013 às 17h24 por

Chegamos em janeiro, um mês depois do suposto fim do mundo maia e depois de um ano relativamente morno de grandes inovações em jogos. Porém, este 2013 tem tudo para ser um grande ano em termos de novidades para um aficionado por games. Sim, no ano passado tivemos o retorno de algumas franquias e a chegada do Wii U, sem falar na turma do indie ganhando mercado. E agora, o que esperar com essas mudanças? Próximos consoles No ano passado eu escrevi um artigo similar a esse com uma sé

Sony acumula 50 milhões de PS3 vendidos

15/04/2011 às 14h42 por

Provando que seu setor de defesas legais é tão eficiente quanto as suas fábricas, a Sony anunciou hoje que já vendeu mais de 50 milhões de consoles PS3 ao redor do mundo. Junto com ele a fabricante também disse que, desde o dia 3 de abril, mais de 8 milhões de unidades do PS Move saíram das suas fábricas e foram para as lojas. Esse é um número de respeito, considerando que o sensor da Sony foi liberado para venda em setembro do ano passado. | Engadget

Emagrecendo com os videogames

29/12/2010 às 15h31 por

Como vocês sabem, eu moro no Canadá. Neste mês de dezembro, meu novo (ou já não tão novo assim) lar e a terra-mãe Brasil encontram-se em períodos climáticos diametralmente opostos – enquanto vocês se deliciam (ou amargam, dependendo da pessoa) do verão tropical, aqui em cima a paisagem lembra o planeta congelado de Hoth, em "O Império Contra-Ataca".Apesar da diferença extrema de condições climáticas, uma preocupação é a mesma nesse fim de ano: perder a barriguinha. Aqui, o inverno é o tiro de largada para que a população com bagagem adiposa entre em dietas e em

TB Retrô: Os artigos mais interessantes de 2010

22/12/2010 às 14h47 por

Falta pouco para encerrarmos esse ano de 2010, mas ainda há tempo para rever quais foram os assuntos que mais chamaram a atenção de nossos colunistas e autores convidados durante esse ano. Seguindo a série especial TB Retrô, hoje a 7gente publica aqueles artigos de opinião e as participações especiais (chique, não?) que mais chamaram a atenção em 2010. São análises perturbadoras, opiniões contextualizadas e muito mais, que nós tivemos o prazer de publicar. Porque para o TB não basta dar a notícia, mas também aprofundá-la, oferecer opiniã

PlayStation Move chega no Brasil por R$ 800

17/12/2010 às 14h13 por

O tão esperado PlayStation Move, controle para PlayStation 3 que integra certos elementos do Nintendo Wii com a capacidade de detecção de movimentos do Microsoft Kinect, chega essa semana no Brasil. O preço dele, no entanto, é bastante salgado mesmo se considerarmos as altas taxas de importação brasileiras: R$ 799. Em comparação, o Microsoft Kinect é vendido por R$ 599.

Kinect e Move estão fadados ao mesmo fim do Wii

01/12/2010 às 17h31 por

A Microsoft acaba de anunciar que vendeu 2,5 milhões de Kinects em apenas 25 dias - ou seja, uma média de 100 mil unidades por dia, ao redor do mundo. Para contextualizar o sucesso do aparelho, tenha em mente que isso é mais que o dobro de vendas do iPad (outro gadget relativamente recente e igualmente popular) no mesmo período. Nos primeiros 28 dias de lançamento,

A história por trás do Kinect e do Move

04/11/2010 às 17h00 por

Lá em meados de 2006, quando ainda se usava o termo next gen para descrever os consoles atuais da Nintendo, Sony e Microsoft, ocorria pela internet afora uma guerra de consoles que quase fazia justiça à Grande Guerra 16 bits. Como veterano daquele conflito (e eu estava do lado vencedor - o SNES, naturalmente), há muito tempo eu não via tanto ódio e animosidade alimentada por preferências pessoais de um console sobre outro. E a guerra por opção de consoles está prestes a se reacender nos grupos de discussão na internet com

Tudo sobre o Microsoft Kinect no Brasil

04/11/2010 às 08h46 por

De vez em quando as empresas de tecnologia nos surpreendem com produtos que realmente fazem a diferença, em vez de permanecerem no que já é padrão de mercado. Geralmente é a Apple quem toma para si os elogiosos adjetivos "mágico" ou "revolucionário", mas também temos segmentos inovadores em empresas como Intel, Sony e - claro! - o Google. Nesse cenário, é de se admirar que uma empresa até então alheia ao mercado de games esteja prestes a lançar algo que realmente merece ser chamado de "revolucionário". A Microsoft, maior vendedora de software do mundo, lança