Smartphones

Para que serve um aparelho com tela de 5,3 polegadas? Testamos o Galaxy Note

16/03/2012 às 16h00 por

Para pessoas com dedos gordos, dizem alguns. Para quem gosta de muito espaço para conteúdo, dizem outros. O Samsung Galaxy Note, esse misto de smartphone com tablet, atrai a atenção do público justamente por não se definir sobre qual categoria pertence. E, claro, pelo visor gigantesco que faz dele um pequeno grande dispositivo. Dependendo do ponto de vista. Eu, que não tenho dedos exatamente enormes, recebi a tarefa de colocar esse aparelho à prova durante duas semanas de testes. Aos poucos fui me habituando ao tamanho avantajado e aos recursos que a Samsung embutiu nesse smartphone

Nokia N9 é um smartphone incompreendido

16/12/2011 às 16h40 por

De vez em quando aparece aqui na redação um aparelho que muita gente considera como patinho feio da indústria. Poderia ser o caso do Nokia N9, não fosse esse smartphone tão belo em termos de design e construção industrial. Ao pegá-lo pela primeira vez nas mãos, você tem a certeza de que é um produto sólido e robusto. Mas será que só o design basta para recomendar um smartphones desses? Eu testei o Nokia N9 durante duas semanas. Essa análise mostra algumas das funcionalidades às quais eu recorro ao longo do meu dia no smartphone, qualquer que seja ele. Deixei

Nokia C3, o smartphone para iniciantes

21/12/2010 às 13h42 por

A Nokia continua sendo a maior fabricante de dispositivos móveis do mundo (em termos de volume), mas não demonstra mais a capacidade de inovar que o início da década a transformou em referência quando o assunto eram bons celulares. Agora a empresa aposta em aparelhos mais simples e baratos, voltados para os mercados emergentes, como o Nokia C3 desse review. Segundo o material publicitário do C3, o aparelho tem tudo para que o usuário se mantenha conectado. Mas será que tem mesmo? É o que nós vamos descobrir agora.

Nokia N900 tem sistema operacional Maemo, ora pois

09/11/2010 às 18h46 por

Se estamos numa grande onda de fabricantes largando seus atuais sistemas de dispositivos móveis para adotar com um forte abraço o Google Android, a Nokia é uma das poucas que nada (sem fôlego, ao que parece) contra essa maré. A empresa continua apostando em plataformas próprias, como o Maemo. Nesse cenário, aparece o N900, um aparelho que começou a ser vendido no Brasil faz algumas semanas ao preço sugerido de R$ 2 mil. Mas será que ele vale a pena? Eu recebi um Nokia N900 para conduzir alguns testes e escrever esse review, mas confesso que tive c

Xperia X10, com câmera de 8 megapixels, é o primeiro da Sony Ericsson com Android

11/05/2010 às 15h47 por

De vez em quando as empresas fabricantes de celular lançam aparelhos que prometem mundos, fundos e tudo mais que você puder imaginar. Foto, vídeo, navegação na web... Tudo parece ser perfeito naquele equipamento lançado por um precinho quase camarada. Pois então, isso vale para o Xperia X10, primeiro smartphone da Sony Ericsson a rodar o Android. Design matador O corpo do Xperia X10 é bastante elegante e agradável de segurar. De acordo com a empresa, os novos designs de celulares contemplam a forma como o aparelho vai ficar na mão do consumidor ao ser manuseado. No caso do

Nokia 5800 XpressMusic não desaponta no fator multimídia

07/09/2009 às 15h35 por

Prometi a mim mesmo que faria o máximo possível para evitar compará-lo ao iPhone, tarefa na qual falhei miseravelmente. Falhei porque o Nokia 5800 XpressMusic quer, obviamente, ser o iPhone. Foi o celular da Apple que obrigou a Nokia e várias outras fabricantes de celulares a usarem telas sensíveis ao toque nos seus aparelhos. Porém ele entrega tantas funcionalidades melhores e deixa a desejar em algumas outras que ele acaba não sendo melhor nem pior do que o iPhone. Ele é apenas bastante diferente. Ok, isso foi uma enorme prosopopéia flácida para acalentar bovinos. Eu achei o 580

HTC Touch, a minha decepção do ano

16/09/2008 às 03h45 por

Tenho viajado bastante no último ano, seja por trabalho ou lazer. Por eu trabalhar com internet, há a necessidade de estar sempre conectado, justamente por isso comecei a pensar em comprar um smartphone e assinar um pacote de dados. E justo quando eu estava para fazer isso (dezembro/2007), o blog da Nokia pintou na pa