Ubuntu Phone

Artigos de Ubuntu Phone

Ubuntu Phones vão rodar apps de Android

às 16h32 por

A Canonical desistiu do Ubuntu para smartphones, mas a comunidade ainda não. E um grupo de desenvolvedores do UBports, responsável por continuar o projeto, está trabalhando para rodar aplicativos de Android nos Ubuntu Phones. O Ubuntu Touch desenvolvido pelo UBports tem suporte limitado: ele funciona nos smartphones OnePlus One, Fairphone 2 e LG Nexus 5,

Canonical reafirma: smartphones com Ubuntu Phone também terão “modo PC”

às 20h36 por

Já pensou em "transformar" seu smartphone em um PC? A Microsoft já: na semana passada, a companhia contou que determinados aparelhos com Windows 10 terão uma função para esse fim. Mas a turma de Satya Nadella não está sozinha. Mark Shuttleworth, o chefão da Canonical, prometeu um modo equivalente no Ubuntu Phone. Na verdade, esse plano existe há quase dois anos. Em 2013, a Canonical fez uma campanha de crowdfunding para lançar o smartphone Ubuntu Edge

O sonho acabou: a campanha do Ubuntu Edge não atingiu a meta de US$ 32 milhões

às 11h43 por

É, não deu. Apesar de ter batido recorde de arrecadação no Indiegogo - precisamente US$ 12.812.776 -, o Ubuntu Edge ficou muito longe da meta estabelecida e, portanto, o projeto será arquivado pela Canonical. Já se sabia desde o início que conseguir US$ 32 milhões em um mês (ou seja, cerca de US$ 1 milhão por dia) era uma meta bastante audaciosa. Mas, nas primeiras 24 horas, as contribuições superaram a casa dos 5 milhões de obamas, alimentando as esperanças de que o total necessário ser

Ubuntu Phone – Por que a plataforma móvel da Canonical merece sua consideração e respeito

às 14h37 por

Anunciado logo no segundo dia do ano, o Ubuntu para smartphones chamou a atenção não apenas por ser um sistema operacional Linux, mas também por possuir conceitos a princípio interessantes e por ser a primeira solução envolvendo uma integração muito maior entre celulares e computadores. Mas será que o Ubuntu para smartphones consegue fazer algum sucesso, ou será apenas mais um a figurar entre os sistemas para celulares a morrer esquecido e sem usuários?