Como faz todos os anos, o Spotify publicou uma retrospectiva da música em 2014, com os artistas, canções e playlists mais ouvidos no serviço de streaming durante o ano. A lista revela que Coldplay foi a banda favorita dos brasileiros e que Summer, de Calvin Harris, desponta como a música mais popular de 2014. Na página, também é possível entrar com sua conta do Spotify e descobrir como você usa o serviço.

No Brasil, o grande destaque masculino do Spotify foi Ed Sheeran, que teve o álbum x indicado como o melhor de 2014. O destaque feminino ficou por conta de Katy Perry, e a banda de rock alternativo alt-J foi considerada a revelação do ano. As cinco bandas favoritas dos brasileiros são Coldplay, Imagine Dragons, Maroon 5, OneRepublic e One Direction.

spotify-comemoracoes

O Spotify revela que, no dia 8 de julho, quando a Seleção Brasileira perdeu de 7 a 1 da Alemanha, “o índice de ouvintes caiu assustadoramente nos momentos imediatamente após o jogo”. Três meses depois, em 10 de outubro, artistas como Metallica, Iron Maiden e Slayer estavam tocando a todo vapor, o que rendeu o título de “o dia mais barulhento” (quem disse foi o Spotify, não me julguem).

Acesse o Ano na Música do Spotify para descobrir o que o Brasil e outros países mais tocaram no ano. No canto superior da página tem um botão “O seu ano da música”; caso seja usuário do Spotify, clique nele para ver algumas estatísticas interessantes sobre você — descobri que ouço 15% das músicas no celular e já passei 58.096 minutos (!) em 2014 ouvindo música no serviço.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Paulo Higa

Paulo Higa

Editor-executivo

Paulo Higa é jornalista com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. Trabalha no Tecnoblog desde 2012, viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. É coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Relacionados