cartel

Samsung, LG, Philips e Toshiba formaram cartel para aumentar preço de TVs

23/08/2018 às 14h49 por

Um cartel internacional operou entre 1995 e 2007 para aumentar o preço de TVs analógicas em todo o mundo, inclusive no Brasil. A Toshiba foi condenada nesta quarta-feira (22) pelo Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica); enquanto Samsung, LG e Philips fizeram acordos de leniência. União Europeia multa Asus, Philips e Pioneer por fixação de preços

Cade investiga Positivo por suspeita de formação de cartel

24/07/2015 às 11h20 por

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) começou a investigar nesta semana dez empresas suspeitas de formar cartel em licitações. Entre as investigadas, o nome que mais se destaca é o da Positivo Informática. As outras nove companhias são revendedoras da Positivo. O Cade também apura o envolvimento de 18 pessoas físicas, duas das quais funcionárias da Positivo. Segundo o Cade, há suspeita de que as dez empresas, juntas, adotaram práticas anticompetitivas para levar vantagens em licita

Fabricantes de LCD processadas por formação de cartel

10/08/2010 às 09h07 por

Quatro fabricantes de painéis de LCD estão sendo processados pelo estado de Nova York por conta de um possível oligopólio que "há pelo menos dez anos" estaria fixando preços de telas para computadores e televisores no mercado norte-americano, encarecendo o produto final para o consumidor. O processo foi aberto pelo procurador geral Andrew Cuomo contra Hitashi,

Dell acusa fabricantes de LCD de formação de cartel

15/03/2010 às 14h49 por

A fabricante de computadores americana Dell abriu hoje um processo contra cinco fabricantes asiáticas de telas de LCD. No processo, a Dell acusa as empresas Hitachi, Sharp, Toshiba, Epson e Hannstar de 'engajarem em competição desleal em violação de leis anti-trust' ao fixarem o preço do LCD vendido por elas. A Sharp e Hitachi já admitiram ser culpadas do cartel em processos abertos contra elas respectivamente

Governo investiga possível cartel do LCD

09/12/2009 às 14h20 por

A SDE (Secretaria de Desenvolvimento Econômico) vai investigar as principais fabricantes de LCD sobre a possível formação de cartel. O período a ser investigado é de 2001 a 2006 quando há suspeitas que os fabricantes combinavam preços de seus produtos. As empresas investigadas são Chungwa Picture Tubes, Hitachi Displays, LG Display, Samsung  Electronics, Sharp Corporation e a Epson Imaging Devices. Todas fabricam os LCDs fora do Brasil mas como vendem aqui terão que se explicar à SDE. O Brasil importa cerca de R$ 1,5 bilhão por ano em displays LCD. Os LCDs são usados em uma sé