Início » Gadgets » Razer BlackWidow Chroma V2: é colorido, mas é caro

Razer BlackWidow Chroma V2: é colorido, mas é caro

Teclado gamer custa R$ 1.059 no Brasil e US$ 169 nos Estados Unidos

Por
19/06/2017 às 14h32

No começo do ano, a Razer lançou a segunda versão do teclado BlackWidow Chroma no Brasil. Alguns aspectos gerais de qualidade de construção e desenhos foram atualizados, mas não há muita diferença no preço.

A primeira versão custa hoje cerca de R$ 900, enquanto a segunda está disponível por R$ 1.059 à vista. Sim, o preço é bem salgado, principalmente quando comparado aos US$ 169 que eles pedem nos Estados Unidos. Será que esse teclado vale tudo isso por aqui? Vem conferir.

Design e hardware

Uma coisa que não dá para negar é que o Razer BlackWidow Chroma V2 é muito bonito. A qualidade de construção foi aprimorada em relação à primeira versão e realmente dá para ver a diferença. Esse acabamento preto meio fosco ajuda a não deixar muitas impressões digitais e dá um visual bem sóbrio a qualquer configuração.

Não é diferente quando você coloca as mãos nele. O desenho é bem ergonômico e ele vem com uma almofada que se encaixa magneticamente na base, o que pode ser bem útil para mesas mais espaçosas.

Curiosamente, o cabo do Razer BlackWidow Chroma V2 vem com três conexões: duas USB e uma de 3,5 mm para microfone ou fones de ouvido. Uma conexão USB é para o próprio teclado, e outra é para ativar esta porta USB que fica na lateral:

Durante o uso, percebi que as teclas do novo BlackWidow Chroma têm um formato especial que auxilia na digitação rápida, contribuindo com a ergonomia e na precisão da sua escrita ou jogatina. As teclas fazem bem mais barulho que teclados convencionais, o que pode ser um incômodo, mas não uma característica incomum para um teclado mecânico.

Ah, sim, os teclados mecânicos. Imagino que você tenha interesse em um ao ler este review, mas você sabe a diferença para um teclado convencional? Basicamente, o teclado convencional funciona com uma membrana de borracha ou plástico que fica embaixo das teclas, que é responsável por fechar um circuito e fazer o sistema entender que tal parte da membrana (ou seja, uma tecla) está sendo pressionada.

Nos teclados mecânicos, cada tecla tem uma espécie de botão que é individualmente responsável por registrar o pressionamento de cada uma. Esses botões são compostos de switches, que controlam o barulho e a pressão que cada tecla faz no seu dedo quando pressionada. Eles podem ser mais duros, fáceis de pressionar, silenciosos, enfim.

Não à toa, a Razer vende o BlackWidow Chroma V2 com três opções de switches diferentes: o verde, laranja e o amarelo. Nesta página, você consegue ver detalhadamente como eles funcionam. Na prática, o verde (ouça-o) te dá mais feedback quando pressionado, o laranja é o mais silencioso (ouça-o) e o amarelo (ouça-o) aciona as teclas mais rapidamente, ideal para jogos FPS e MOBA.

Por conta desse funcionamento mecânico, é de se imaginar por que o BlackWidow Chroma V2 dá um ótimo feedback nas teclas: além da resposta mais rápida que é enviada para o computador, você sente melhor as teclas sendo pressionadas. No geral, teclados mecânicos também podem ter uma durabilidade maior – é difícil o teclado inteiro parar de funcionar, enquanto os convencionais são bem sensíveis a um Toddynho, por exemplo.

Modos de iluminação

Nesta parte, acabei me decepcionando com a experiência premium que a Razer deveria oferecer. O programa que controla o teclado (e muitos outros produtos da marca) é chamado de Razer Synapse, que promete sincronizar as suas configurações na nuvem, incluindo os macros (sequência de teclas pré-configuradas), iluminação do teclado e algumas estatísticas legais.

Dos modos de iluminação, alguns são bem interessantes e têm cores personalizáveis, como:

Reativo, em que acendem apenas as teclas que você aperta.

Propagar, em que uma onda de iluminação propaga para o resto da imagem (abaixo, eu havia apertado a barra de espaço pouco antes).

Onda, em que uma onda de várias cores fica passando pelo teclado (o padrão é esse colorido aí embaixo).

Fogo, que… basicamente, imita o efeito de uma chama no seu teclado. Não parece na foto, mas há uma sombra flamejante que faz a transição das cores. Tem como mudar a cor padrão. A minha, por exemplo, era turquesa e roxo.

Você pode ver mais efeitos legais aqui no site da Razer.

Software

Em termos de software, o Synapse não funcionou muito bem comigo. Na primeira vez em que eu reiniciei o computador, os dados que eu havia colocado não foram sincronizados na nuvem. Além de ter que configurar tudo de novo, me deparei com este erro:

As diversas soluções que achei online para consertar o problema não funcionaram. No fim, acabei desinstalando o programa e instalando-o novamente, limpando os registros anteriores. Enfim, voltou ao normal. Porém, logo depois o erro persistiu e eu não quis ficar refazendo esse processo toda vez que o programa deixar de funcionar como deveria.

Tambem resolvi testar o Razer Synapse para macOS. Quando eu fiz login, o programa sincronizou vários ajustes de iluminação fora do lugar ou errados e não há quase nada de personalização para cores como o do Windows – o de Fogo, por exemplo, se limita às cores padrão. Ou seja, fiquei preso com os efeitos que configurei na última vez que tinha conseguido usar o programa corretamente.

Por mais que bugs em software sejam aceitáveis, vi que esse problema é recorrente entre os usuários do Synapse. Além disso, foi mais de um problema e esse software controla controla um dos principais atrativos do teclado: a habilidade de personalizar as cores e obter estatísticas de uso em jogos. Não dá para deixar assim em um teclado dessa faixa de preço.

Pontos positivos

  • Qualidade de construção impecável;
  • Ergonomia muito boa; almofada é útil;
  • Que ótimo brilho você tem.

Pontos negativos

  • Que programa ruim pra gerenciar o teclado, hein?
  • Preço Apple, de US$ 169 para R$ 1.059.

Conclusão

Por mais que vários efeitos coloridos e uma qualidade de construção impecável sejam ótimos atrativos, não acho que o Razer BlackWidow Chroma V2 valha o preço cobrado. Um teclado mecânico de fato traz uma experiência única para jogos e não questiono a qualidade da Razer, mas o software me deixou na mão e concorrentes como a Logitech trazem opções semelhantes pela metade do preço.

A gente sabe que os impostos são altos no Brasil, mas nada justifica o preço de US$ 169 dos Estados Unidos virar R$ 1.059 (à vista!) aqui no Brasil.

  • Leandro

    eu aceito de presente!

  • Alf

    Só não compro porque não tem “ç” …

    • Nem me fala, eu sofro com o meu notebook de teclado padrão EUA..😓

    • Fabricio de Oliveira Silva

      Só não compro porque é absurdamente caro e ainda não é ABNT.

  • Alisson Silva

    Ser geek e morar no Brasil é como ser um eunuco tarado.

  • Rafael Bücker Rapalo

    Em pleno 2017: Estou aqui digitando do meu Razer Blackwidow com o ‘W’ afundado, com meu Deathadder com botões quebrados e sem muita responsividade. Eu digito isso enquanto escuto uma música no meu Kraken rasgado mesmo sendo muito bem cuidado e utilizado. Ele conseguiu rasgar todo o couro em apenas 6 meses de uso. É claro que não acabou. Este são apenas os periféricos que uso no meu trabalho.

    No meu computador de uso pessoal, eu tenho um Razer Deathadder Chroma que o scroll não funciona mais (só 9 meses de uso). Mas é isso aí… pelo menos aprendi a lição. Razer nunca mais!

    E é claro, quando comprei o meu teclado, já não era mais tão burro. Então fui com um CoolerMaster Quickfire XTI que custou menos e é infinitamente melhor que esse do post. Com um design agradável (e não essa coisa gigante e cheia de borda e espaço desnecessário pra ocupar toda sua mesa), um switch muito superior que é são os da Cherry MX, no caso, o switch Cherry MX Brown.

    Agora vou ali continuar insistindo com o suporte da Razer pra conseguir reivindicar a garantia dos meus produtos.

    • Wolfgang Marcos

      Também tive problema com o Deathadder Chroma, um duplo clique fantasma que nem atualização de software nem assistência resolveu, foi pro lixo (comprei de insistente, já tinha tido o mesmo problema com um Orochi antes). Já os fones funcionam muito bem, mas só depois de remover o Synapse devido a problemas dele interferindo com aplicações de teleconferência (Skype e Discord). Já o teclado Blackwidow esse sim funciona sem problemas até hoje, no começo foi difícil acostumar com o padrão Inglês Internacional mas agora já era.

      Em resumo: Razer nunca mais

    • Celso

      Também tive problema com 2 mouses da Razer. Os dois eram Krait, só que um era o mais ‘recente’ (2013). O problema foi que após uns 3 meses de uso eles começaram a dar duplo clique do nada. Nem tentando limpar resolveu…tive que optar por um da Logitech que faz a mesma coisa, tem uma pegada melhor e tem botões adicionais!

      Razer nunca mais.

      • Denis Belo

        Mouse uso um Logitech também, muito bom por sinal, comprei na Black Friday do ano passado, e não deixa a desejar em nada. Já teclado, comprei um Motospeed no escuro pela gearbest, e me surpreendi com ele, até agora nada a reclamar, a não ser o barulho do switch blue, mas já era de se esperar. Detalhe, esse teclado saiu por 50 Trumps.

        • Celso

          O custo x beneficio da Logitech é muito bom, não deixa nada a desejar mesmo.
          O teclado eu tava querendo comprar um mecânico, mas os preços no Brasil tão absurdos demais. Tô pensando em importar um Motospeed ck104, pessoal tá falando muito bem dele. Acho que vou pegar um desse mesmo.

          • Denis Belo

            O meu acredito que seja o ck104 também, gostei bastante, mas não veio com o apoio pro pulso, que faz uma diferença. Se não me engano o ck108 vem com esse apoio e da pra gerenciar perfis por software, acho que vale mais a pena.

    • Julio Cesar

      Tudo que tive da Razer foram caros e deram problemas… hoje em dia passo longe dessa marca…

    • Trovalds

      Razer só tem etiqueta. Custa mais caro que a concorrência e oferece menos. Fora a garantia ridícula.

  • Bruno Martins Santana

    Motivos pela qual eu não abandono os Teclados da Microsoft/Logitech por nada, ótima qualidade e preço justo mas sem as coisinhas “gamer legais”

    • Tom

      Sou outro bem feliz com meu conjunto Microsoft.

      • Bruno Martins Santana

        o meu até deu um probleminha ano passado que não funcionava algumas teclas, limpei as membranas e está perfeito, a Pilha dura meses, é silencioso, confortável, tem várias teclas de atalhos uteis, só não tem aqueles Leds que iriam me atrapalhar quando eu estivesse vendo algum filme por exemplo.
        Eu gosto pacas

    • CtbaBr

      Eu uso um Logitech, simples e objetivo, muito durável e silencioso!

    • Trovalds

      Não são só “coisinhas gamers legais”. Um teclado mecânico custa bem mais caro que um teclado de membrana. Mas a durabilidade é infinitamente superior. Enquanto um membrana bom tem garantia de 5 milhões de toques um mecânico salta pra 50 milhões. MAS Razer cobra mais sem oferecer nada mais do que etiqueta mesmo. Tem produto melhor e mais barato no mercado, como a própria Logitech, Corsair e outras. E MS deixou de ser hardware bom faz tempo. Tive em 5 anos 4 teclados e já estou prestes a partir pro quinto.

  • Marcogro®

    Um estupro. Nada justifica essa inflacionada na conversão, a não ser essa molecada que gosta desse estilo, mas compram com o cartão de crédito dos pais que, cá entre nós, ou são todos Deputados ou ninguém mais liga pra dinheiro…

  • Burajirujin Man

    “A primeira versão custa hoje cerca de R$ 900” *Fecha aba*

  • Bom, pelos depoimentos da turma abaixo é possível perceber que tem apenas nome e não qualidade…

  • Keaton

    Eu pensando em atualizar meu PC pra rodar Monster Hunter World e vocês me mostram um teclado que custa mais que o orçamento previsto… hahaha…

  • Trovalds

    Só pra localizar o pessoal: teclado mecânico custa bem mais caro mesmo. Mesmo pros padrões americanos. MAS a Razer vai além e os “troxa” vai tudo na onda.

    Aqui mesmo no BR é possível encontrar Logitech ou Corsair mecânicos mais em conta e melhores. Claro, não vai ser uma pechincha mas certamente não vão ter aborrecimentos.

    E teclado mecânico custa caro porque a durabilidade é no mínimo 10x maior da que de um teclado de membrana. Basta dar uma pesquisada na internet pra ver teclados mecânicos com 10, 15 e até 20 anos de idade funcionando perfeitamente.

  • Wololo ✔

    Não querendo ser chato mas talvez já sendo, eu adoro os reviews aqui do TB mas review de periféricos neste formato não da certo, essa ideia de só dar uma olhada superficial na construção do produto e ver se as funcionalidades funcionam deixa o review “desvalorizado” e não passa uma visão completa se o produto é bom ou ruim, ainda mais falando de Razer, que a galera que roda nos fóruns ai já sabe bem que a qualidade de construção costuma ser ruim pelo preço cobrado.
    Eis um exemplo de review de periférico totalmente informativo: http://adrenaline.uol.com.br/2016/12/13/46791/analise-teclado-logitech-g810/

    Se vocês ganharam este teclado da Razer, sei que eles não permitem abrir seus periféricos em reviews, mas ainda assim fica minha critica sugestiva sobre o assunto, que também vale para Mouse e Headset.

  • Lucas Ambrosio

    Comprei um teclado da Corsair, se eu não me engano o k70 Cherry MX Brown, paguei 500 reais e é EXTREMAMENTE bom.
    Melhor coisa que fiz, estava pensando em comprar um Razer mas não faz sentido nenhum quando vi que a tecnologia por trás das teclas era a mesma e a única diferença era as corzinhas.

  • Lucas Ambrosio

    Comprem teclados mecânicos da Corsair, comprei um mês passado, qualidade EXCELENTE, tecnologia Cherry MX, comprei o K70 com o MX Brown, paguei 500 reais, e funciona perfeitamente, com software para gravação de macros, padrões de brilho, scroll para volume no teclado, usb adicional..

    • Waldecir Faria

      Tenho um Corsair K65 Vengeance com MX Red. Ele não tem essas coisas de brilho e tals mas é excelente, compacto, cromado e lindão. Também recomendo a marca.

      • Lucas Ambrosio

        Aé bem lembrado, o K70 é inteiro de metal, exceto as teclas claro..

  • Elder Bruno

    Algumas molinhas, leds coloridas e plástico! MILfucking reais .. Tá pagando custo do material, despesas da empresa, e a mão de obra de umas 5 gerações huehue