Arquivo Internet

Facebook lança programa para virar publisher de games mobile

Giovana Penatti
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

O Facebook quer ajudar os desenvolvedores a serem bem-sucedidos com seus jogos em plataforma mobile (e, de quebra, ganhar uma grana com isso, claro). Hoje, foi lançado o Mobile Games Publishing, ferramenta que promete dar um boost na divulgação dos jogos entre seus usuários, atuando como publisher.

mobile game

Os games que virarem parceiros do FB serão divulgados diretamente para pessoas que tenham o perfil de seu público-alvo. De uma maneira bem superficial, é como se fãs de Bejeweled pudessem receber propagandas de Candy Crush Saga.

Quando você ouve falar que o Facebook pode utilizar suas informações para ganhar dinheiro, é para esse tipo de coisa que normalmente (normalmente) ele usa: direcionamento de anúncios.

A publicação oficial aponta que o apoio será feito através dos aplicativos mobile da empresa, ou seja, os anúncios não devem aparecer na versão web da rede social. O alcance estimado é de 800 milhões de usuários por mês e os desenvolvedores poderão contar com as ferramentas de análise desenvolvidas pelo Facebook para fazer o monitoramento.

O programa é voltado para devs de pequeno e médio porte e nem todos os jogos inscritos serão selecionados: os games precisam ser avaliados pela empresa antes do início da parceria. Curiosamente, a Gameloft está entre os escolhidos da primeira leva.

A postagem não diz qual será a porcentagem abocanhada de cada jogo – pode ser que nem seja a mesma e se adapte ao rendimento gerado por cada um – , mas deixa claro que será uma divisão de lucros.

Dez jogos já foram selecionados para participar do programa. São esses:

  • Dawn Of The Dragons, RPG de cartas da da 5th Planet
  • Dr. Newton: The Great Brain Adventure, que mistura aventura e puzzle, da Brainbow
  • Age of Booty: Tactics, game de estratégia com piratas da Certain Affinity
  • Live Hold’em, de pôquer, da Dragonplay
  • Kingdom & Lords, simulador de estratégia medieval da Gameloft
  • Train City, simulador de cidade da Gamevil
  • Shipwrecked, game de exploração da KiwiGames
  • Monster Legacy, jogo de fantasia com exploração e lutinha da Outplay Entertainment
  • Samurai Siege, multiplayer de estratégia da Space Ape
  • WINDrunner, que parece um Temple Run sidescroll, da WeMade Entertainment’s

Caso você tenha um mobile game pronto e queira ver qual é a do Facebook em dar essa força, é só inscrevê-lo e aguardar a resposta.

Giovana Penatti

Ex-editora

Giovana Penatti é jornalista formada pela Unesp e foi editora no Tecnoblog entre 2013 e 2014. Escreveu sobre inovação, produtos, crowdfunding e cobriu eventos nacionais e internacionais. Em 2009, foi vencedora do prêmio Rumos do Jornalismo Cultural, do Itaú. É especialista em marketing de conteúdo e comunicação corporativa.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque