Início / Notícias / Negócios /

LG e Multilaser dão férias coletivas em fábricas no Brasil

As empresas liberaram alguns funcionários para reduzir riscos de contágio durante pandemia de coronavírus

Victor Hugo Silva

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

A LG e a Multilaser decretaram férias coletivas para vários de seus funcionários por conta da pandemia de coronavírus, causador da COVID-19. As empresas adotaram a medida para tentar reduzir o risco de contágio em suas fábricas.

Fábrica da LG em Taubaté (SP) (Foto: Reprodução/TV Vanguarda)

Fábrica da LG em Taubaté (SP) (Foto: Reprodução/TV Vanguarda)

No caso da LG, as férias coletivas valem para 70% da força de trabalho na fábrica de Taubaté e começam na próxima segunda-feira (30). De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté, a unidade tem cerca de 950 trabalhadores.

A entidade trabalhista informa que eles serão divididos em dois grupos. Um deles começa o recesso na segunda-feira (30) e retorna em 14 de abril. O outro interrompe os trabalhos na terça-feira (31) e volta em 13 de abril.

Os funcionários do grupo de risco da COVID-19 receberam licença na segunda-feira (23) por meio de banco de horas e entrarão em férias coletivas na terça. Os estagiários e os integrantes do programa Jovem Aprendiz receberam estão em férias de 30 dias desde segunda.

Procurada pelo Tecnoblog, a LG confirmou a concessão de férias coletivas após chegar a um consenso com seus colaboradores e o Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté.

“A LG Electronics do Brasil se preocupa e está monitorando de perto a situação de pandemia do Covid-19 (Coronavírus), e vem tomando medidas para manter a segurança dos funcionários, familiares, clientes e da comunidade onde está inserida”, afirmou a empresa por meio de nota.

Esta não é a primeira vez que a fábrica da LG em Taubaté interrompe os serviços devido ao coronavírus. No início do mês, a empresa suspendeu as atividades e liberou seus funcionários durante dez dias por conta da falta de peças.

Fábrica da Multilaser em Extrema (MG) (Foto: Reprodução/YouTube)

Fábrica da Multilaser em Extrema (MG) (Foto: Reprodução/YouTube)

Multilaser libera metade dos funcionários

A Multilaser, por sua vez, nos confirmou que deu férias coletivas para 50% dos funcionários que atuam nas fábricas de Manaus (AM) e Extrema (MG). A empresa não confirmou quantas pessoas ficarão em casa, mas seu site indica que, ao todo, ela conta com 3 mil colaboradores.

A fabricante indica ainda que “houve redução de turno e implementação de medidas que visam garantir a segurança dos funcionários”. Os profissionais que atuam no escritório em São Paulo adotaram o home office para diminuir os riscos de contágio.

Segundo a Multilaser, não há previsão de quando os funcionários retornarão às fábricas e ao escritório.

Com informações: Mobile Time.