Rockstar doa receita de GTA Online para ajuda contra COVID-19

Rockstar Games destinará parte da receita de GTA Online e Red Dead Online para ajuda contra novo coronavírus até maio

Bruno Gall De Blasi
Por
• Atualizado há 2 anos
gta-online

A Rockstar Games vai dar uma força aos que foram impactados pela pandemia da COVID-19 (novo coronavírus). Em nota publicada nesta segunda-feira (31), a companhia anunciou que irá doar parte da receita de GTA Online e Red Dead Online para ajudar comunidades e empresas locais a se recuperarem da crise causada pela doença.

Ao todo, 5% da receita dos títulos GTA Online e Red Dead Online será destinada ao combate à COVID-9, de 1º de abril ao fim de maio. Ou seja, toda vez que alguém comprar algo nos jogos, uma parcela desses rendimentos será utilizada para auxiliar aqueles que foram impactados pela pandemia.

“Esses fundos serão usados para ajudar as comunidades e empresas locais que enfrentam os impactos do COVID-19, tanto diretamente quanto ao apoiar algumas das incríveis organizações que estão ajudando aqueles que foram atingidos por esta crise”, explica em nota.

Não se sabe a quantia real que será repassada durante o período. Mas, segundo as estimativas do analista Michael Pachter, da Wedbush Securities, o valor pode ser de US$ 2 milhões em um único mês, o que dá cerca de R$ 10,5 milhões.

A companhia, que é responsável pela série Grand Theft Auto, Red Dead Redemption, Max Payne e demais jogos, também se comprometeu em compartilhar informações sobre as doações ao longo dos próximos dias.

Com informações: Rockstar e VentureBeat

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Bruno Gall De Blasi

Bruno Gall De Blasi

Repórter

Bruno Gall De Blasi é jornalista e cobre tecnologia desde 2016. Sua paixão pelo assunto começou ainda na infância, quando descobriu "acidentalmente" que "FORMAT C:" apagava tudo. Antes de seguir carreira em comunicação, fez Ensino Médio Técnico em Mecatrônica com o sonho de virar engenheiro. Entrou para o Tecnoblog em 2020 e também escreveu para o TechTudo e iHelpBR.

Relacionados